A Copa é nossa! Início da venda de ingressos afasta o fantasma da exclusão

Aqueles que ainda tinham um temor de que Cuiabá pudesse ser excluída da Copa do Mundo podem respirar aliviados. O início da venda dos ingressos nesta terça-feira (20), afasta definitivamente, por uma norma da própria Fifa, a possibilidade de corte de alguma sede. Assim, o torcedor cuiabano pode comprar despreocupado seu ingresso para assistir a jogos da Copa do Mundo em junho de 2014, na Arena Pantanal.

Com a liberação da venda de ingressos às 7 horas (horário de Brasília), as 12 sedes da Copa de 2014, incluindo Cuiabá, estão garantidas. Pelo regulamento interno da Fifa, a data do início da venda dos tíquetes sempre foi o prazo dado para qualquer mudança no cronograma da Copa. Assim, a entidade máxima do futebol mundial não tem mais como mudar a tabela do torneio, sob a pena de enfrentar problemas jurídicos e encarar milhares de ações por contravenção ao código do consumidor.

Desde que foi anunciada como sede da Copa, em 2009, Cuiabá conviveu com o temido fantasma da exclusão, pelo fato de ser uma capital pequena e não contar com a mesma estrutura dos grandes centros. A cidade disputou o direito de sediar a Copa do Pantanal diretamente contra Campo Grande e acabou sendo anunciada como sede em maio de 2009. Desde aquela época, rumores apontavam para um possível ‘enxugamento’ das sedes, fazendo cair de 12 para oito ou 10. Cuiabá, Manaus, Natal e Curitiba eram as mais ameaçadas.

Antes de bater o martelo e liberar a venda de ingressos, a Fifa ainda teve dúvidas, segundo boatos ventilados na imprensa nacional. Uma visita do secretário-geral da entidade a três capitais com obras de estádios em atraso, serviria para botar fim à dúvida. Cuiabá não foi incluída no roteiro dessa inspeção, em claro sinal de que não preocupa.

Ingressos à venda

Já sabendo que não haverá riscos, o torcedor cuiabano que pretende ver um jogo da Copa 2014 deve se preparar e, quem sabe, até contar com a sorte, para a compra dos ingressos. A primeira fase das vendas começa nesta terça-feira, às 6h (de Cuiabá), e vai até o dia 10 de outubro no portal da Fifa. A instituição adiantou que, para os jogos com grande procura, fará um sorteio que definirá quem serão os espectadores. Os preços das entradas variam de R$ 30,00 a R$ 1.980,00.

Conforme projeções da Fifa, cerca de 85% dos ingressos para a Copa do Mundo serão para torcedores comuns, sendo o restante para convidados, autoridades e imprensa. Já é possível fazer o registro no site da federação. É com esta inscrição que o torcedor poderá navegar pela página de ingressos. O torcedor pode manifestar o interesse na compra do ingresso antes mesmo do sorteio dos confrontos, que será no dia 6 de dezembro.

Cuiabá sediará quatro jogos válidos pela primeira fase. E não será como muitos chutam, pelo fato de Cuiabá ser uma das menores sedes da Copa. Está garantido para a Arena Pantanal, um jogo envolvendo um dos oito cabeças-de-chave do Mundial. É possível que uma seleção campeã mundial – a exceção é a seleção brasileira, que já tem locais de jogo definidos – se apresente em Cuiabá.

Neste primeiro momento, só os três jogos do Brasil na primeira fase já têm lugar e data marcados, mas sem adversário definido. Ainda ‘às escuras’, o comprador pode escolher por ingressos de um jogo em determinada sede, indicando a fase da competição, ou decidir por uma determinada seleção.

Somente após o sorteio das chaves é que os confrontos serão conhecidos e, assim, os primeiros compradores saberão para quais jogos indicaram interesse. A pessoa deve manifestar o interesse na compra e aguardar o sorteio. Depois, cada sede terá pontos de troca e, com o recibo, a pessoa tira o ingresso, que já vem no nome dela. É possível escolher a cidade onde quer ver os jogos ou a seleção que quer seguir. Se quer ver um ou os quatro jogos em Cuiabá, sinaliza para ver aqui. Se quer, por exemplo, seguir a seleção do Japão, escolhe e aguarda a definição dos confrontos”.

Também haverá limite. Uma pessoa pode pedir, no máximo, quatro ingressos por partida e todos da mesma categoria. Cada pessoa também pode comprar ingressos para, no máximo, sete jogos da Copa e não é permitido pedir ingressos para dois jogos num mesmo dia. Realizar compras ‘casadas’ ajuda para que grupos vejam o jogo juntos, já que é impossível escolher os lugares nas arenas – o que será definido eletronicamente pela Fifa.

Há outra hipótese. Quem não puder ver o jogo da qual comprou ingresso pode fazer o cancelamento, mas vai pagar uma taxa: quem desistir em até 96 horas depois da confirmação da compra, pagará 10% do valor em multa. Caso a desistência ocorra entre 96 horas e 7 dias após receber a confirmação, o valor é de 20%.

A segunda fase de venda dos ingressos terá início em 8 de dezembro, dois dias depois dos sorteios das chaves, e vai até dia 30 de janeiro. De 15 de abril até 13 de julho de 2014, será feita a venda de ingressos restantes por ordem de encomenda.
Sorteio – A Fifa fará sorteio de ingressos para os confrontos que receberem uma procura maior que a capacidade das arenas. Isso deve acontecer, naturalmente, com o jogo de abertura, dia 12 de julho, na Arena Corinthians (SP), e a final da Copa, dia 17 de julho, no Maracanã (RJ).

Nesta fase, não importa quando o pedido do ingresso foi feito, pois a ordem das requisições não aumenta nem diminui as chances de ser contemplado pelo sorteio. A definição dos ‘sortudos’ também será eletronicamente. Para ter mais chances, o ideal é entrar no sorteio por uma ou duas entradas desse tipo, além de tentar também os jogos menos badalados da fase de grupos.Olhar Copa

Responder

comment-avatar

*

*