Acidente mata dois na BR 158 em Barra do Garças

A 30 km de Barra do Garças na BR 158 aconteceu um grave acidente na tarde dessa sexta-feira (03) que vitimou Jacy Fernandes da Silva de 57 anos e Dalva Galdina de Barros Lopes. Jacy conduzia o veículo, ao lado estava Jacimira Lima Soares, sua amásia e Dalva Galdina de Barros Lopes no banco de trás. Jacy morreu ainda no local do acidente que aconteceu por volta das 13h e Dalva morreu no Pronto Socorro. Jacimira sofreu apenas lesões leves.

Jacy conduzia uma caminhonete Hilux que segundo informações do inspetor De Freitas soltou a bandagem. Ele então perdeu o controle do veículo, pois estava em alta velocidade. Segundo o relato de Jacimira quando ele viu o barranco, soltou o volante. O veículo bateu em uma cerca e capotou. Apenas Jacy e Jacimira estavam usando o cinto de segurança. Eles vinham da casa de parentes em Querência (MT) em direção a Rondonópolis.

Em entrevista ao Semana7 quando perguntada se era esposa da vítima Jacimira relatou que eles vivem juntos há doze anos. Ela contou que depois de o veículo ter capotado ela tentou socorrer Jacy. Porém ele estava jorrando sangue pelo nariz e pela boca e acabou morrendo no local do acidente.

Jacimira também relatou que sempre pedia cautela a Jacy. No entanto, segundo ela, ele havia adquirido a Hilux há poucos dias e do banco de passageiros ela não enxergava o velocímetro, dessa forma ele abusava da velocidade. Ainda segundo ela, Jacy já se envolveu em outro acidente gravíssimo, mas ainda assim dirigia em alta velocidade.

Dalva foi encaminhada para o Pronto Socorro em estado gravíssimo, mas acabou morrendo em seguida. Na caminhonete ficou as marcas do capotamento na lataria e no estofamento o sangue das vítimas espalhado, evidenciando a gravidade do acidente.

O inspetor De Freitas ressalta que a BR está em ótimas condições de tráfego e que os motoristas não devem abusar da velocidade. Pois no caso de qualquer ocorrência é muito mais fácil controlar o veículo em velocidade normal.

Semana7

Responder

comment-avatar

*

*