Água Boa: agentes flagram detentos tentando atravessar objetos da ala da visita para o interior do presídio por uma linha

Escrito por Michel Franck / Água Boa News 

 

Na tarde deste domingo 16-02, um agente lotado na Penitenciária Major Zuzi em Água Boa-MT visualizou da laje do sistema prisional uma linha vulgarmente chamada de teresa ser jogada da Ala 01 à ala de visitas. No mesmo momento o agente comunicou-se com os seus colegas da ala de visitas sobre o ocorrido, e na ocasião se depararam com Gerson Henrique Gomes Rocha de 19 anos agachado para que um outro reeducando subisse em suas costas e jogasse a linha de volta para a Ala 01. Gerson estava visitando um recluso. Outro agente viu quando o encarcerado Peracio Souza de Oliveira amarrou a sacola na ‘teresa’.

Na embalagem de saco plástico tinha três celulares, quatro trouxas aparentando ser maconha e uma trouxa com substância análoga à pasta base de cocaína. Um dos celulares, o de cor branca, estava com um bilhete em volto com a escrita “SALVE SALVE MARCELO LATRO LANSA ESSE PA BRANCO LA NA 5 PARA O PORTO ALEGRE”.

Após a apreensão dos materiais, o suspeito de envolvimento com tráfico de drogas Gerson Henrique foi convidado pelos agentes a comparecer na delegacia de polícia local, mas no deslocamento o mesmo tentou fugir da viatura do sistema prisional em movimento, mas foi contido antes do feito. Outros dez detentos também foram conduzidos ao CISC para esclarecer quem seria o receptador.

Sobre a facilidade de drogas e celulares entrarem no presídio, conversamos com o diretor interino da Unidade Prisional Edivaldo Alves Martins, onde o mesmo relatou que o maior problema é na revista pessoal a visitantes. Ele ainda disse que a falta de aparelhos de Raio-x e detectores de metais, além da manutenção das banquetas de inspeção íntima são os principais contribuintes para a entrada destes objetos.

Responder

comment-avatar

*

*