Atoleiros e pontes quebrando ameaçam ilhar região

COCALINHO – Enorme atoleiro se formou ontem na MT-326 a cerca de 10 quilômetros da balsa do rio das Mortes, no município de Cocalinho. Cerca de 40 caminhoneiros estavam aguardando a retirada de alguns caminhões atolados. Este serviço só pode ser feito com máquinas pesadas. Os motoristas estavam revoltados pelo descaso e abandono por parte dos governantes. Essa rodovia já devia estar asfaltada há anos, pelo enorme impacto econômico, principalmente devido ao transporte de toneladas de calcário por ano.

NOVA NAZARÉ – Motoristas de caminhões que trafegam pela MT-326 estão denunciando que uma ponte pequena entre a cidade de Nova Nazaré e a Balsa do Rio das Mortes ameaça cair. Os transportadores de cargas dizem que a estrutura deveria ter sido reformada. Se algo não for feito, a ponte pode cair a qualquer momento. Infelizmente, o governo do estado não promove as melhorias necessárias ao longo da Rodovia do Calcário, causando enormes prejuízos aos usuários da mesma. Já o trecho entre Nova Nazaré e o Auto Posto Rei da Estrada está quase intransitável.

ÁGUA BOA – Máquinas da prefeitura estão trabalhando na MT-240 entre Nova Nazaré e Água Boa. Existe um trecho de atoleiro nas subida da Serra do Córrego da Vanda que precisava de reparos. O vice-prefeito e secretário municipal de infraestrutura, Lírio Maggioni, relatou que os caminhões mais pesados tem mais dificuldade em trechos de atoleiros. Interativa FM

Responder

comment-avatar

*

*