AUMENTO DE ABATES

 

O forte ritmo dos abates que vinha sendo observado nos frigoríficos de Mato Grosso prosseguiu no mês de dezembro de 2011, quando o rebanho enviado aos frigoríficos chegou à 429,1 mil cabeças, obtendo um crescimento de 2,2% em relação ao abate registrado no mês de novembro. O aumento do ritmo nas indústrias do Estado é verificado através da comparação com dezembro de 2010, quando o Estado abateu 349,7 mil cabeças, obtendo uma evolução de 22,7% no período. A demanda pela carne bovina puxada pelas festividades de fim de ano favoreceu o aumento do abates no Estado. Tendo como principal fundamento para esse aumento a forte demanda do mercado nacional, que no final de 2011, passou a representar 83% do destino da produção contra 77% do mês de novembro. Esse abate no último mês de 2011 foi suprido por um aumento da participação de fêmeas nas escalas dos frigoríficos de Mato Grosso, que passaram para 46,2%, diante da dificuldade em realizar compras da reduzida oferta de machos.

Responder

comment-avatar

*

*