Batalhão de Trânsito prende 72 pessoas em 2013 por dirigem alcoolizadas

Luis Vinicius/Assessoria/PM-MT

De janeiro a novembro deste ano, 72 motoristas foram detidos pelo Batalhão de Trânsito Urbano e Rodoviário (BPMTran) por dirigirem embriagados pelas rodovias em Mato Grosso. O número representa um aumento de 120% em comparação ao início da “lei seca”, em julho de 2008. Desde então, o número de ocorrências só aumenta a cada ano. Outro dado que chama a atenção, é o número de CNHs (Carteira Nacional de Habilitação) recolhidas. Só no ano de 2013, 803 foram coletadas nas áreas urbanas e nas rodovias.

Em 2013, 47.365 autos de infrações de trânsito (multa) foram registrados, 4.455, CRLVs (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo) recolhidos e 19 veículos apreendidos. A operação “Salvando Vidas / Lei seca 2013” foi desencadeada 10 vezes, sendo apreendias 48 CHNs, 11 veículos, 11 CRLVs, cinco boletins de ocorrências registrados e 550 notificações feitas.

Já a operação “Blitz Geral” foi efetuada 47 vezes, com 1.665 notificações registradas, 42 CNHs recolhidas, dois boletins de ocorrências, 312 CRLVs coletados e dois veículos apreendidos. O Batalhão de Trânsito também promoveu atividades extras, como apoio à operação “Pégasus”, realizada pelo 1º Comando Regional de Cuiabá, policiamento durante shows nacionais, participação na final do Campeonato Mato-grossense de futebol, policiamento na 49ª Expoagro, atuação na “XV corrida Tenente Neteslau”, entre outros.

Outro destaque do Batalhão durante o ano foi o projeto social “Salvando Vidas”, que consiste em palestras educativas e orientativas, ministradas para estudantes dos ensinos Fundamental e Médio, de escolas das redes pública e privada, durante um período mínimo de duas semanas, dependendo do número de turmas que são trabalhadas. Os estudantes recebem orientações sobre a legislação de trânsito, como uso do capacete, faixa de pedestre, embarque e desembarque de passageiros, e uso de celular e bebida ao dirigir.

O projeto é realizado nas Escolas de Cuiabá e Várzea Grande. São formados 10.072 alunos durante o ano. A Escola Estadual Presidente Médici foi destaque com dois mil estudantes formados. Desde a sua criação, em 22 março de 2010, o Batalhão de Trânsito Urbano e Rodoviário realiza ações, como a instalação da Câmara Temática de Trânsito, ativação do Grupamento Tático Rodoviário de Fronteira (GTRFron), realização de cursos, como o de Motociclista Policial militar, Operações de Trânsito e muitos outros. “Em 2014, o Batalhão de Trânsito trabalhará da mesma forma, com policiamento ostensivo, blitz e operações para dar mais segurança às pessoas no trânsito”, disse a comandante do BPMTran, major Grazielle Paes da Silva Bugalho.

 

Responder

comment-avatar

*

*