CANARANA: Polícia Civil prende traficante com 2,3 quilos de cocaína e munições

Mais um traficante foi preso no município de Canarana, nas ações de repressão ao tráfico de drogas realizadas no Vale do Araguaia, pela Polícia Judiciária Civil. Na tarde de sábado (16.02), Natal Pereira dos Santos, 30 anos, foi preso durante cumprimento de mandado de busca domiciliar, na operação “Pó(s)-Folia”, da Delegacia da Polícia Civil de Canarana.
Em sua residência, os policiais encontraram  2 porções de pasta-base, 2,3 quilos de  cocaína pura, uma balança de precisão, diversos insumos para preparação de droga (éter, ácido bórico, seringas e outros), além de 2 jet-loaders (carregadores de revólver) e munições de diversos calibres permitidos (28, 32 e 38) e restritos (9mm e 357 Magnum).
Para o delegado Sued Dias da Silva Junior, a existência de éter e ácido bórico chama atenção e preocupa à Polícia, pois são indícios de que a residência funcionava como um laboratório clandestino para a produção do “paco”, uma nova  espécie de droga que está sendo difundida no Brasil e outros países da América do Sul, com poder de destruição muito mais agressivo do que o “crack”.
Em buscas na residência, não foi encontrada nenhuma arma na posse de Natal. “Entretanto, o trabalho de localização dessas armas segue sendo feito incansavelmente pelos investigadores, uma vez que a apreensão de munições de diversos calibres, inclusive deflagradas, revelam indícios de que o preso teria um arsenal bélico considerável”, afirmou o delegado.
O preso já possui histórico criminal de porte ilegal de arma de fogo e responde a três ações penais por violência doméstica e familiar contra a mulher. Agora ele responderá também pelos crimes de tráfico de drogas, posse irregular de munição de uso permitido e posse ilegal de munição de uso restrito.
 A droga, os insumos e as munições apreendidas e encaminhadas à Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), para a realização de exame pericial.
A operação contou com a participação do investigador Vital e escrivão Éder, além do delegado municipal. “Com isso aumentamos ainda mais o índice de apreensões de drogas realizadas na região, garantindo a paz e tranquilidade da população”, finalizou o delegado Sued.
Assessoria

Responder

comment-avatar

*

*