Cavalo solto na pista causa morte de mototaxista na MT-270

Um cavalo solto na MT-270, provocou dois graves acidentes quase que simultâneos, sendo que um deles terminou com uma pessoa morta. Ambos os choques aconteceram próximo a entrada do antigo Ipê Tênis Clube, por volta das 20h desta segunda-feira (08), em Rondonópolis.

De acordo com testemunhas, duas motocicletas seguiam o mesmo sentido (Centro à Vila Paulista), uma era pilotada pelo mototaxista Regino Santana Neto 59 anos, e a na outra havia um casal e uma criança, que conforme a redação do Site AGORA MT apurou, tratam-se de D. W. M. M. 4 anos, Lucimeire Medeiros Alves Moreira, 21 anos e Cristiano da Silva Moreira, 27 anos.

Foi Regino quem bateu 1º no animal que estava no meio da pista, e com o impacto morreu na hora. Lucimeire, Cristiano e o filho que viam logo atrás, também não conseguiram desviar, bateram no cavalo e caíram no chão.

O serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) esteve no local para constatar o óbito de Regino e socorrer as demais vítimas que segundo informações, sofreram escoriações leves.

Alessandra Alves que é moradora na região, comentou o assunto. Para ela é necessário que algum órgão competente tenha rigor na cobrança de animais soltos.

“Eu já denunciei várias vezes, e quase fui uma vítima. É necessário que alguém tome providência”, reclamou.

MORTE
Regino estava na profissão de mototaxista há cerca de 14 anos e seu número era o 263. Ele era morador no Jardim Assunção. Seu velório e enterro ainda não foram definidos uma vez que seu corpo ainda será periciado pela polícia técnica.

O cavalo ficou bastante ferido – Foto: Ronaldo Teixeira / AGORA MT

direito

 

Responder

comment-avatar

*

*