Cocalinho terá PROERD da PM – Comando do 16º BPM apóia

COCALINHO – Na quarta-feira, 13 de março, às 14hs na sala da Secretaria de Educação de Cocalinho, foram acertados os últimos detalhes entre a Polícia Militar e a Prefeitura de Cocalinho, para o início das aulas do Proerd nas escolas daquela cidade. O programa inicialmente será aplicado nas turmas de 5º ano (4ª série). A aula inaugural está marcada para o dia 02 de abril, às 19hs no Ginásio de Esportes da cidade. Toda a sociedade poderá prestigiar este importante passo do poder público contra as drogas e a violência.

o  Proerd – Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência é aplicado pela polícia militar, quando um instrutor comparece uma vez por semana em sala de aula para os trabalhos com os alunos. São aulas divertidas que previnem as drogas e a violência. Participaram da reunião, o capitão João Paulo, comandante da PM de Canarana, o 1º sargento Sidney, comandante do núcleo PM de Cocalinho, o sargento PM Sancler, coordenador do programa no 16º batalhão de Água Boa, o soldado Bertol, instrutor designado para ministrar as aulas, o soldado Barbalho, assessor de imprensa da PM de Cocalinho. Representando o executivo, participaram o prefeito, Luiz Henrique do Amaral, o secretário municipal de educação, Marcio Conceição de Aguiar, e os diretores de escolas do município.

ÁGUA BOA – A intenção do Comando do 16º BPM, com sede em Água Boa, é desenvolver o PROERD em vários municípios. Já está praticamente definida a aplicação do programa em Cocalinho, Nova Nazaré e no município de Água Boa. O Tenente Coronel Jorge Luiz de Magalhães entende que o PROERD é uma estratégia que já demonstrou resultados efetivos no combate às drogas e outras formas de violência. Aplicado em vários países e estados brasileiros, ele foi reconhecido por alguns organismos internacionais que estudam as drogas e os seus efeitos, como sendo um dos programas mais eficazes no combate ás drogas, que destrói famílias e aumenta os índices de violência. Em Água Boa o programa já foi sugerido e o executivo já manifestou o interesse em desenvolver o programa nas escolas da rede pública. Interativa FM

Responder

comment-avatar

*

*