Conferência encerra encontro com vistas a debater diretrizes aplicáveis aos resíduos sólidos

Entender a atual situação e criar ferramentas que auxiliem governo e sociedade a enfrentar os principais problemas ambientais, sociais e econômicos decorrentes do manejo inadequado dos resíduos sólidos. A partir da formulação de quatro eixos criados nos encontros municipais e regionais, delegados eleitos durante a IV Conferência Estadual de Meio Ambiente, nesta quinta-feira (05), levarão a questão ao simpósio nacional.

“ Já instituímos que a responsabilidade compartilhada dos geradores de resíduos, como fabricantes, comerciantes, o cidadão e titulares de serviços de manejo dos resíduos sólidos urbanos na Logística Reversa dos resíduos e embalagens pós-consumo e pós-consumo deve ser entendida como algo, como o próprio nome já diz, de responsabilidade de todos”, destacou a coordenadoria de Educação Ambiental da Sema Estadual, Maricelma Mesquita de Castro Pinto.

Para atingir certos objetivos, um grupo de 90 delegados, que levará para a nacional 20 temas, trabalha em cima de metas que buscam contribuir para a eliminação dos lixões e institui instrumentos de planejamento. Paralelo isso, impoe que os entes particulares elaborem seus Planos de Gerenciamento de Resíduos Sólidos.

“Acredito que todo esse trabalho será benéfico para as gerações futuras, pois irá conscientizar as próximas gerações a importância do conservacionismo”, opinou uma das participantes.

Maricelma destacou que já existem normas que abordam a temática dos resíduos sólidos, especialmente a Resoluções do Conselho Nacional de Meio Ambiente (Conama) que deve pautar o encontro nacional; contudo ainda não há, no País, um instrumento legal que estabeleça diretrizes gerais aplicáveis aos resíduos sólidos para orientar os Estados e os Municípios na adequada gestão desses resíduos.

“E é este um dos nossos principais objetivos: dar solução a esta questão”, finalizou a coordenadora.

Seminário
O governo do estado por meio da Coordenadoria de Gestão de Resíduos Sólidos, da Superintendência de Infraestrutura, Mineração, Indústria e Serviços (Suimis), da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) realiza nos dias 06 e 07 de outubro, no Auditório da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM) a terceira edição do Seminário de Resíduos Sólidos conforme informações da assessoria da Sema,.

O evento tem como objetivo refletir e discutir sobre os desafios e alternativas para a gestão dos resíduos sólidos tendo como pano de fundo questões como o impacto dos resíduos no meio urbano; a trajetória das políticas públicas na áreas dos resíduos sólidos; a inclusão dos catadores na cadeia produtiva da reciclagem e na gestão compartilhada; as novas tecnologias de manejo dos resíduos e o caminho para a sustentabilidade. Olhar Direto

Responder

comment-avatar

*

*