Conhecido como Zé Capeta, suspeito de matar família a marretada é preso saindo de matagal

O suspeito de cometer o triplo homicídios a marretadas no município de Nova Brasilândia (distante 223 km de Cuiabá) em julho deste ano foi detido saindo de um matagal e bastante diferente da foto usada para a sua identificação. José Ronaldo Caiado, vulgo ‘Zé Capeta’ estava na divisa entre os municípios Planalto da Serra e Paranatinga quando foi avistado.

Os corpos das vítimas, supostamente feitas por Zé Capeta, estavam em estado de decomposição quando foram descobertos pela Polícia Civil do município. Os vizinhos resolveram acionar a segurança quando estavam incomodados com o forte cheiro.

Os primeiros indícios da morte levam crer que tenham sido cometidos a marteladas, por causa da ferramenta que estava ao lado do corpo e da forma que estava os crânios das vítimas, completamente esmagadas.

A prisão de Zé Capeta foi realizada pelo Núcleo de Policiamento de Planalto da Serra, quando uma viatura fazia rondas pela área rural da cidade. Ao ser abordado o suspeito se identificou com outro nome. Segundo os policiais estava bastante debilitado e com barbas e cabelos cumpridos. Segundo os investigadores ele foi encontrado nessas condições porque deve estar escondido desde o dia que cometeu o crime, em 30 de julho.

Quando chegou a Nova Brasilândia, Zé Capeta foi reconhecido por um dos policiais que atuou no caso e deste momento em diante ele assumiu ter cometido o crime contra Alaíde Maria da Silva, 36, Franciele Maria da Silva, 14 e Wederson Augusto da Silva, 11. As vítimas foram encontradas em suas residências três dias após o homicídio. Vizinhos informaram aos policiais que Zé Capeta foi o último a ser visto saindo da residência.

Em depoimento o acusado disse que seus planos seria fugir até uma aldeia indígena e se esconder no local com a ajuda de seu irmão. O motivo que o levou a cometer o triplo homicídio não foi respondido. Zé Capeta foi levado para a Delegacia de Chapada dos Guimarães, que investiga o caso.

Responder

comment-avatar

*

*