CPI revê reabertura de 5 frigoríficos

Os membros da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Frigoríficos obtiveram dados que apontam para a possibilidade da reabertura de pelo menos cinco plantas frigoríficas no Estado de Mato Grosso. A intenção da equipe seria diversificar o mercado da carne no Estado e garantir a livre concorrência.

As plantas estão localizadas nos municípios de Mirassol D’Oeste, Juruena, Nova Monte Verde, Vila Rica e Nova Xavantina, sendo todas sob responsabilidade do Serviço de Inspeção Federal (SIF).

O Serviço de Inspeção Federal (SIF) é o responsável por assegurar a qualidade de produtos, de origem animal, comestíveis e não comestíveis destinados ao mercado interno e externo, bem como de produtos importados. De acordo com dados da equipe técnica, o cenário de viabilidade de reabertura dessas plantas é baseado na quantidade de população bovina para abater, por dia, levando em consideração um raio de 360 km.

O presidente da Comissão, deputado estadual Ondanir Bortolini (PSD), Nininho, ressaltou a importância da reabertura dessas plantas que deve beneficiar na geração de empregos nesses municípios. “Os números obtidos pela Comissão até o momento indicam para viabilidade da reabertura de pelo menos cinco plantas e um dos reflexos positivos será a oferta de mais de três mil empregos diretos e mais de dois mil indiretos”, explicou.

O parlamentar também lembrou que a reabertura dessas plantas é importante para os pecuaristas locais, que poderão vender a matéria prima na própria região. “Os criadores de gado sonham em retomar as atividades, comercializar com preço justo, valorizar a matéria-prima, sem que exista a manipulação e predominância de grupos nesse mercado”.

JANAIARA SOARES
A Gazeta

folhamax

Responder

comment-avatar

*


*