Curso de manejo em confinamento será realizado pela Assocon em Água Boa

A Associação Nacional dos Confinadores (Assocon) com o objetivo de capacitar técnicos para o manejo de gado de corte em confinamento percorre os principais circuitos pecuaristas do país oferecendo esta capacitação.

A cidade de Água Boa, na região nordeste de Mato Grosso vai receber a segunda etapa da capacitação nos dias 08 a 12 de Abril, as aulas serão realizadas no Hotel Serra do Roncador. Os alunos que participarem da capacitação terão a oportunidade de visitar um frigorifico e um confinamento da região para conhecer na prática como é feito o manejo.

Para o coordenador técnico do curso e gerente administrativo da associação dos confinamentos, Bruno de Andrade, o curso foca a abordagem e o repasse de práticas pertinentes à pecuária intensiva com atualizações das atividades de manejo sanitário, manejo racional e o uso da mecanização com tecnologia de ponta nos confinamentos.

Os interessados em participar do curso devem fazer suas inscrições através da home page da associação (www.assocon.com.br), as fazendas associadas tem custo zero nas inscrições de seus colaboradores. Para os alunos inscritos via entidades patrocinadoras pagam apenas R$ 80,00 e não associados R$ 120,00. O curso além das apostilhas, assegura ao participante o fornecimento de certificado.

As inscrições podem ser feitas através do site da Associação, pelo www.assocon.com.br, lembrando que fazendas associadas à entidade têm custo zero na inscrição de seus funcionários. Já os cursistas inscritos via entidades patrocinadoras pagam apenas R$ 80,00 e não associados R$ 120,00. O curso é todo apostilado e assegura ao participante o fornecimento de certificado.

Conteúdo programático da Escola de Confinamento 2013:

– Manejo nutricional de bovinos confinados;

– Suplementação mineral;

– Produção de animais para o confinamento;

– Ganho compensatório e adaptação dos animais ao confinamento;

– Produção de silagem;

– Sanidade de animais a pasto;

– Sanidade de animais confinados;

– Manejo racional e abate humanitário;

– Mecanização do confinamento;

– Técnicas de manejo: Identificação animal.

Responder

comment-avatar

*

*