Defesa Civil vistoria municípios mais afetados pela chuva em Mato Grosso

Uma equipe técnica da Defesa Civil de Mato Grosso vai visitar os municípios de Mato Grosso que mais foram afetados pelo excesso de chuvas no começo deste ano. Os técnicos irão percorrer Alta Floresta,Colniza, Castanheira, CotriguaçuJuruena,Guarantã do NorteSão Félix do Araguaia,Nova Nazaré e Nova Brasilândia. Eles devem realizar um levantamento da situação em que se encontram essas cidades.

Durante a visita aos municípios, os técnicos irão percorrer as áreas de risco nas cidades, verificando também as rotas de acesso e áreas de maior vulnerabilidade que sofreram com enchentes, enxurradas ou inundações. A equipe também vai orientar os municípios sobre quando a situação de emergência deve ou não deve ser decretada.

No início de fevereiro, os municípios deCastanheira e Guiratinga decretaram situação de emergência devido às más condições de tráfego das estradas durante o período de chuvas. Na época, o superintendente da Defesa Civil de Mato Grosso, Sérgio Delamônica, afirmou que vistorias seriam feitas locais para verificar o estado de cada município e, caso fosse comprovada a dificuldade, homologar os decretos.

A Secretaria Nacional de Defesa Civil reconheceu situação de emergência em municípios de Mato Grosso e outros seis estados: Espírito Santo, Minas Gerais, Mato Grosso, Paraíba, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Em Mato Grosso, o decreto de número 15/2013 elenca o caso de Guiratinga, a 334 km de Cuiabá.

Apesar de haver reconhecimento na esfera federal de uma única cidade mato-grossense, outras também são monitoradas pelo governo. Em âmbito local, as prefeituras já decretaram emergência após ficarem isoladas desde que as chuvas deste mês aumentaram o número de atoleiros, fizeram rios transbordar, além de danificar pontes em várias regiões do estado. G1.com

Responder

comment-avatar

*

*