Delegada pede prisão de mãe suspeita de matar filho com dez dias de vida

A delegada de Polícia Civil de Nova Mutum, Angelina de A.F, pediu à Justiça a prisão preventiva de uma mãe suspeita de matar, a facadas, o próprio filho, de apenas dez dias de vida. A informação é do Mutum Notícias.

A suspeita, que tem 23 anos, está presa na delegacia de Nortelândia. Ela é acusada pelo pai da criança de ter desferido golpes de faca no menino, na quinta-feira (8). O homem ainda tentou socorrer o filho levando-o até um hospital de São José do Rio Claro, mas o neném não resistiu aos ferimentos.

O casal reside na comunidade Pontal do Marape, localizada de 160 quilômetros de Nova Mutum. O delegado de São José do Rio Claro, que fez a prisão em flagrante da mãe devido ao fato de a criança ter sido encaminhada com duas perfurações de faca no abdômen.

A mãe do bebê nega que tenha sido a autora das facadas. Na delegacia, ela contou que estava trocando o bebê quando foi empurrada pelas costas e teria desmaiado ao bater a cabeça no chão, Segundo ela, quando voltou em si, já encontrou o bebê ferido.

Responder

comment-avatar

*

*