Deputados afirmam apoio à greve, mas AL não se posiciona oficialmente

Deputados estaduais de Mato Grosso declararam durante a sessão plenária de terça-feira (8) apoio ao movimento grevista. No entanto, a Assembleia Legislativa ainda não posicionou sua opinião enquanto instituição. O Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT) exige empenho do Legislativo para avançar no processo de negociação com o Executivo.

“Estamos aqui mais uma vez na Assembleia e queremos um posicionamento dessa Casa de Leis. Já ouvimos posições individuais e queremos saber o posicionamento da Assembleia frente à truculência do Estado, que utiliza a desinformação para promover o esvaziamento do movimento”, diz o presidente do Sintep/MT Henrique Lopes do Nascimento.
Ele afirma que não há previsão para o término da greve, pois até o momento o Sintep/MT não obteve encaminhamentos do Executivo sobre a proposta já feita. Nesta quarta-feira (9), a categoria estará reunida na Assembleia Legislativa.

Sessão

Durante a sessão desta terça-feira deputados como Ezequiel Fonseca, Wagner Ramos e Emanuel Pinheiro declararam apoio ao movimento. Para Ezequiel o governo deve encaminhar a mensagem para tramitar no Legislativo. “Precisamos para amanhã tirar isso do governador. Com proposta por escrito e concreta poderemos trabalhar”. O deputado mostrou preocupação em relação ao impasse.

Wagner parabenizou a luta dos trabalhadores, o fato de estarem acampados e cobrou entendimento com o Executivo para finalizar a greve. Emanuel disse que a pauta seja atendida.

Responder

comment-avatar

*

*