Dívidas com drogas provoca mais um assassinato na divisa de MT e GO

Wesley Moreira da Silva, 32 anos, conhecido como Cunhadinho, foi executado a tiros na madrugada de quinta-feira (23) em Aragarças-GO. O crime aconteceu na rua Marcondes de Souza esquina com a rua 2 próximo ao Bar da Curva nos fundos do Supermercado Extraforte.

Dois homens chegaram numa moto preta e efetuaram os disparos e depois saíram em alta velocidade. A vítima estava portando um cachimbo artesanal utilizado para uso de drogas e uma faca na cintura, que a polícia acredita que ele usava para se defender.

Os disparos foram ouvidos por moradores que ficaram assustados e reclamaram da escuridão e falta de policiamento naquele setor. A Polícia Militar (PM) informou que Wesley era conhecido da polícia como usuário, mas não era visto como agressivo.

Um irmão da vítima esteve no local do crime onde fez o reconhecimento do corpo. Populares comentaram no bar que o motivo do crime seria com dívida com entorpecentes e chegaram a ouvir ‘quem deve para traficante paga com a vida’ após os disparos.

Esse é o segundo homicídio com características de execução nesse mês de janeiro em Aragarças.

olhardireto

Responder

comment-avatar

*

*