E a MT 020 ??? Atoleiros dificultam passagem de veículos por rodovias de Mato Grosso

 

Constantes chuvas pioraram as condições das estradas da região.
Motoristas dizem que determinados trechos ficam intransitáveis.

Atoleiro MT-020 (Foto: Lindomar Bettega/Paranatinga News)Atoleiros prejudicam trânsito na MT-020, região de Paranatinga (Foto: Lindomar Bettega/Paranatinga News)

As chuvas agravaram a situação nas rodovias de Mato Grosso onde não há asfalto. Sem condição de seguirem viagem em função da quantidade de atoleiros, os caminhoneiros e motoristas são obrigados a esperar por ajuda. A situação atinge vários municípios mato-grossenses nas épocas de chuva, já que atualmente, mais de 80% das estradas geridas pelo governo do estado não são pavimentadas.

Na MT-020 quem deixa Paranatinga, a 411 quilômetros de Cuiabá, em direção a Canarana, a 838 quilômetros da capital, enfrenta problemas. Na terça-feira (17), a secretaria de Transportes e Pavimentação Urbana enviou maquinários ao local para melhorar as condições de trafegabilidade na região.

A preocupação do setor produtivo é que a situação prejudique o escoamento da produção agrícola. Somente em Paranatinga são 200 mil hectares destinados à cultura da soja, além da atividade pecuária, que exerce papel importante na economia dos municípios da região. “Nossas lavouras são grandes”, frisou o presidente. No entender do sindicalista, a saída está no asfaltamento da via.

Em Mato Grosso, o acesso a 44 cidades é pavimentado. De acordo com Arnaldo Souza, secretário de Transporte e Pavimentação Urbana, nos últimos quatro anos foram construídos quatro mil quilômetros de asfalto. No entanto, ele reconhece que o total ainda é insuficiente para sanar as deficiências.

Segundo o secretário, para resolver os problemas gerados pelas chuvas nas rodovias onde não há pavimento, o estado conta com 25 patrulhas. Conforme Arnaldo Souza, seriam necessários R$ 18,5 bilhões para pavimentar toda a malha viária mato-grossense.

Condições ruins
As rodovias mato-grossenses já foram classificadas com o status de ruim ou péssimas na pesquisa da Confederação Nacional dos Transportes (CNT), responsável por avaliar as condições de trafegabilidade na malha viária dos estados. Na lista das avaliadas estão tanto aquelas sob administração dos governos federale estadual. Estas últimas apresentaram desempenho inferior em relação às rodovias geridas pela União.

O conceito aplicado às rodovias estaduais variou de regular, ruim ou péssimo. Todas as avaliadas receberam o conceito de ruim quanto à condição geral. Foram monitoradas as MTs 130 (112 quilômetros pesquisados), MT-208 (46km), MT-240 (59km), MT-246 (85km), MT-320 (154km), MT-343 (79km), MT-358 (130km). Nós de Canarana estamos na expectativa do asfaltamento da MT 020, oque nos ajudaria e muito da ida até nossa capital. As maquinas até começaram o serviço de terraplanagem no ano passado, mas asfalto que é bom até agora nada. Nesse ano de 2012 parece que começará o asfaltamento.

Canarana News com informacoes do G1 MT

Responder

comment-avatar

*

*