Em MT, agricultores arriscam plantar soja antecipadamente

Em uma fazenda em Campo Novo do Parecis serão cultivados 51,4 mil hectares de soja precoce. O plantio começou há uma semana, assim que terminou o vazio sanitário. O produtor teve um pouco de sorte, logo depois do início do plantio ocorreram pancadas isoladas de chuva e a previsão para os próximos dias é boa para o agricultor. Já em outras áreas do município, o sol continua brilhando forte. Quem planta muito cedo, corre o risco de ter que replantar a área. Em uma propriedade, por exemplo, não caiu nenhuma gota d’água até agora, a terra ainda está seca, mas mesmo assim o produtor Sérgio Stefanello decidiu plantar. Ele acredita que as vantagens de se plantar soja mais cedo compensam o risco. “A gente corre o risco para se ter algumas vantagens, como diluir as épocas de colheita e diminuir assim o risco de perda. Em segundo lugar, a gente aumenta a possibilidade de fazer uma segunda safra em volume maior e dentro das épocas recomendadas”, diz.

Responder

comment-avatar

*

*