Falta de manutenção da MT-320 leva população a implorar por recuperação ao Governo estadual

Menos de um mês após omanifesto que fechou por algumas horas a rodovia BR-163 em Nova Mutum, Lucas do Rio Verde e Sorriso, um novo protesto promete marcar o começo da próxima semana, desta vez no município de Colíder.
A Câmara de Vereadores, com apoio do Sindicato Patronal Rural, Associação Comercial e Industrial de Colíder (Acic), Lions Clube, Rotary Clube, Maçonaria e diversas outras entidades representativas de classe e da sociedade, de forma geral, protesta nesta segunda-feira (1), contra as péssimas condições de trafegabilidade da MT-320, principal via de ligação entre Nova Santa Helena e Alta Floresta.
O manifesto intitulado de, “MT-320 – Rodovia das Falsas Promessas” está marcado para acontecer entre 8 e 11 horas no km 22 da rodovia, próximo ao curtume.
O deputado federal, Nilson Leitão (PSDB-MT), líder da Minoria na Câmara, confirmou presença na mobilização. A exemplo da última terça-feira, 26, quando usou a tribuna para criticar a infraestrutura de logística, Leitão vem denunciando o descaso das autoridades e que resulta em perdas materiais e de vidas.
“Rodovias que são para escoar a nossa produção não tem condição nenhuma de transporte. O governo abandonou completamente a logística. O governo de Mato Grosso propagou o tal alinhamento político com o Governo Federal, mas não temos nem rodovia federais e nem rodovias estaduais com condições mínimas de trafegabilidade. É lamentável o que nossos governos fazem com nossa estrutura de logística. Do Fethab, que deve arrecadar R$ 750 milhões, não serão aplicados nem 5% na recuperação da malha viária; o restante vem sendo sistematicamente desviado para outros fins”, disse Leitão.
A MT-320 tem aproximadamente 190 km de extensão e está abandonada sem reformas ou manutenção, embora a revitalização tenha anunciada diversas vezes nos últimos 10 anos. A última promessa é de retirar o que sobrou do antigo pavimento para a construção de nova camada asfáltica.
O protesto de hoje será o maior de todos os registrados até agora. Outros menores, mas não menos chamativos, são registrados todos os dias, como o “plantio de bananeiras” nos buracos da pista, por exemplo. 24 Horas News

Responder

comment-avatar

*

*