Fugitivos da cadeia de Canarana estão praticando assaltos na região

CANARANA – Os quatro reeducandos que fugiram da cadeia pública de Canarana na última segunda-feira (13), são suspeitos de praticar dois assaltos na região após a fuga, segundo a Polícia Militar. O sargento da PM, Sancler Santarem, informou que, nesta terça-feira (14), duas motocicletas foram levadas de uma fazenda na Comunidade Culuene, entre os municípios de  Gaúcha do Norte e Paranatinga. A Polícia Militar informou que cerca de 20 policiais fazem o trabalho de buscas aos fugitivos que têm 18, 24, 25 e 28 anos.

Na terça-feira, já durante a noite, uma lanchonete em Gaúcha do Norte foi assaltada por dois homens que chegaram em uma motocicleta e, de acordo com as vítimas, as características são as mesmas dos suspeitos. “Como eles estão com as armas dos policiais, ficou mais fácil identificar. Acreditamos que depois de furtarem as motocicletas, eles tenham se separado, já que apenas dois homens efetuaram o roubo no estabelecimento comercial”, disse o sargento.

No dia da fuga, os presos renderam dois agentes prisionais, no momento em que eles realizavam uma revista nas celas, no início da manhã de segunda-feira. Houve luta corporal, mas os detentos conseguiram render os policias e fugiram da cadeia pela porta da frente levando duas espingardas, três pistolas e o carro da polícia.

O veículo foi encontrado em uma estrada vicinal, sentido a Gaúcha do Norte. Os reeducandos continuaram a fuga a pé e seguiram para uma área de mata fechada. Os jovens de 18 e 24 anos estavam presos pelo crime de roubo. Já os outros dois, de 25 e 28, por homicídio. Escrito por Michele Soares

FernandoFernando JeffersonJefferson

MiguelMiguel

Responder

comment-avatar

*

*