‘Graças a Deus não estava dentro’, diz mulher que teve carro destruído

A contadora Graciele Nunes, proprietária do carro que ficou praticamente destruído após ser atingido por uma caminhonete conduzida por assaltantes, em Cuiabá, disse estar aliviada por não ter sofrido nenhum ferimento. Ela estacionou o veículo na frente da casa, na noite de sexta-feira da semana passada (4) e, minutos depois, teve o carro lançado a 10 metros devido ao impacto.

“Graças a Deus não estava dentro dele. Fui salva”, desabafou a contadora. A caminhonete estava sendo perseguida pela Polícia Militar, no bairro Dom Aquino, e também estava em alta velocidade. Porém, antes de bater no carro, um Gol de cor preta, a caminhonete também atingiu uma moto onde estavam duas mulheres e uma criança de cinco anos.

Por conta da batida, os corpos das duas mulheres – mães e filha- foram parar na área da residência de uma casa e o corpo da criança foi arremessado para o telhado. Todas morreram no local.

“Foi uma tragédia. Eu levei um susto e sinto pelas famílias”, declarou a contadora. Ela contou ainda que ouviu o barulho e foi até a frente da casa para verificar o que estava acontecendo. “Quando olhei não vi o meu carro. Só vi vários pedaços da moto espalhados pela rua. Foi uma correria”.

Graciele relatou ainda que após a caminhonete atingir a moto, bater no carro dela, o veículo ainda atingiu o muro da casa da vizinha. No entanto, ninguém do local ficou ferido. O acidente ocorreu por volta das 21h, na Rua Santa Terezinha.

Quatro assaltantes estavam na caminhonete, sendo dois menores que foram presos pela Polícia Militar. Os outros conseguiram escapar. Conforme a polícia, os ladrões invadiram uma casa, localizada na Rua Comendador Henrique, no Bairro Jardim Xangrilá. Eles roubaram vários eletrodomésticos e deixaram a casa levando também a caminhonete da família.

Durante o assalto, a polícia foi acionada e iniciou a perseguição aos ladrões. A caminhonete, que seguia na Rua Comendador Henrique, entrou pela contra mão na Rua Santa Terezinha, momento em que o veículo bateu de frente com a moto. Em seguida, a caminhonete atingiu o Gol e ainda bateu no muro de uma casa.

Os corpos das vítimas foram enterrados no último sábado (5), no cemitério Parque Bom Jesus de Cuiabá.

Responder

comment-avatar

*

*