Homem que ateou fogo em veículos de Militares diz que estava embriagado no momento do crime

Em depoimentos ao Delegado de Polícia Civil Dr. Renato Resende o acusado de incendiar uma moto e um carro de policiais militares nesta noite de terça-feira, (08), contou que estava embriagado durante o ato criminoso.

De acordo com informações repassadas ao Site Agência da Notícia, Fabildo Castro Gonçalves de 46 anos foi preso depois que uma testemunha denunciou o suspeito a polícia, em depoimentos o acusado contou que entrou no quartel e cortou a mangueira do botijão de gás e fez uma espécie de lança chamas.

Depois partiu em direção aos veículos um VW Cross Fox do Subtenente Júnior e uma moto Honda CB 300 do Soldado Airton onde colocou fogo nos veículos que rapidamente foram consumidos pelas chamas, Fabildo ainda tentou queimar outros objetos na porta do quartel, mas não conseguiu devido o fogo ter se espalhado com muita velocidade.

O acusado ainda disse que teria ido até ao quartel para fazer um boletim, mas como a guarnição estava em outra ocorrência ele resolveu queimar os veículos, além de alegar que não se lembrava de muita coisa.

Fabildo continua preso por incêndio qualificado e deve ser ouvido novamente pelo delegado responsável.

Responder

comment-avatar

*

*