Horário de Verão começa no próximo domingo; relógio deve ser adiantado

Terá início, à meia-noite do próximo domingo (20), a 43ª edição do Horário de Verão. A partir de então, todos os estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste deverão adiantar os relógios em uma hora.

O objetivo do horário especial, que terminará no dia 16 de fevereiro de 2013, é aproveitar os dias mais longos do verão, com mais tempo de uso da luz solar, para economizar energia.

Segundo dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), a economia durante os 118 dias de horário de verão pode chegar a 5% e a medida alivia a demanda sobre as redes de transmissão de energia, principalmente entre as 18h e 21h (horário de pico, quando o consumo geralmente aumenta).

Na última temporada (2012/2013), ele gerou uma economia de 4,5% em todos os Estado que adotaram a medida.

Apesar dos números não parecerem significativos quando analisados separadamente, quando somados aos resultados dos demais estados que também participam da medida, auxiliam em uma folga para o Sistema Interligado Nacional (SIN), principalmente no horário de ponta.

Economia

A Rede Cemat (concessionária de energia elétrica em atuação no Estado) deverá divulgar, ainda esta semana, as expectativas de economia de consumo para o período.

No ano passado, o horário de verão durou 119 dias e gerou uma redução na demanda de 56 megawatts (MW) em Mato Grosso. Isso equivale a desligar, no horário de pico, duas vezes o município de Cáceres, que possui cerca de 90 mil habitantes.

O horário de verão é sempre adotado nessa época do ano para aproveitar os dias mais longos, devido à posição da Terra em relação ao Sol, quando a iluminação natural pode ser aproveitada por mais tempo.

Os dias, nessa época do ano, ficam mais longos em cerca de duas horas e a queda na redução da iluminação artificial representa, segundo a ONS, 15 a 25% do valor da conta de luz.

Com a redução do consumo, evita-se o uso de energia gerada por termelétricas, que é mais cara e mais poluente do que a gerada pelas hidrelétricas. Além disso, nessa época do ano há um aumento na demanda, uma vez que cresce a produção industrial devido ao Natal.

Horário de Verão

Desde 2008, um decreto presidencial estabelece datas fixas para o início e término do horário de verão. Antes, anualmente, era publicado um decreto para definir o período da mudança.

De acordo com o decreto, a mudança no horário ocorrerá, todos os anos, no terceiro domingo de outubro e terminará no terceiro domingo de fevereiro. Se a data coincidir com o domingo de Carnaval, o final do horário de verão é transferido para o próximo domingo.

 

Responder

comment-avatar

*

*