Ibama apreende 7 tratores em área desmatada de 2,6 mil hectares em MT

Na operação, fiscais também aplicaram R$ 13,4 milhões em multa.
Área desmatada fica na região de Gaúcha do Norte, a 595 km de Cuiabá.

Foto: Assessoria / Ibama

Sete tratores foram apreendidos na área de desmatamento

Em operação especial, fiscais do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama) encontraram uma área 2,6 mil hectares de desmatamento ilegal na floresta amazônica em uma propriedade rural na região de Gaúcha do Norte, município a 595 km de Cuiabá. De acordo com a assessoria do Ibama, na ação foram apreendidos sete tratores e aplicados mais de R$ 13 milhões em multa ao responsável.
A área desmatada foi constatada por meio de rastreamento com satélite. Chegando ao local, os agentes encontraram um dos tratores utilizados na extração ilegal de madeira. O veículo estava parado para conserto.
Os outros seis ainda estavam com os correntões pendurados em árvores recém derrubadas. Com o auxílio do correntão, cada dupla de tratores consegue desmatar diariamente o equivalente a 30 hectares (ou 30 campos de futebol).
Ainda segundo o Ibama, o proprietário da fazenda possui laudo técnico de engenheiro florestal e, conforme o decreto 2.151/2014, tem permissão para realizar a limpeza de áreas consolidadas.
No entanto, o perímetro delimitado em documento entregue ao órgão abrange áreas que estavam em processo de regeneração. Por isso, a atividade foi classificada como ilegal. O responsável foi multado em R$ 13,4 milhões.
Em 2014 ele já havia sido multado por desmatar ilegalmente o mesmo local. Na ocasião, foram apreendidos 16 tratores em flagrante. Agora, o maquinário está sendo recolhido e, posteriormente, o Ibama deverá decidir seu destino final. G1.MT

Responder

comment-avatar

*

*