Imprudência provoca 62% dos acidentes nas rodovias

BRs 364 e 163 concentram 72% dos acidentes e 68,4% das mortes em MT

Balanço divulgado na segunda-feira (11) pela Polícia Rodoviária Federal de Mato Grosso aponta que a maioria dos acidentes (62%) registrados nas cinco rodovias federais que cortam o Estado é causada por imprudência dos motoristas.

Nos últimos dez meses, foram registrados 3.817 acidentes, 7,1% a mais do que o mesmo período do ano passado. Dentre esses acidentes, 78% foram em pista reta, seca (72%), durante o dia (61%), quando os motoristas não tinham qualquer restrição de visibilidade (91%).

De acordo com o relatório da PRF, entre as causas dos acidentes causadas por imprudência estão a falta de atenção (1.228); não guardar a distância de segurança (382); velocidade incompatível (271); ultrapassagem indevida (209); ingestão de álcool (113); desobediência à sinalização (99); e por dormir ao volante (83).

Dentre os tipos de acidentes, o documento revela que o mais comum foi a saída de pista (897), seguida pela colisão traseira (865) e lateral (607).

Porém, a colisão frontal, que caracterizou 228 acidentes este ano, também foi a que mais resultou em mortos: 41% (101).

Rodovias perigosas

As BRs 364 e 163 concentram 72% dos acidentes e mortes este ano, sendo 1.737 já registrados na primeira e 1.013 na segunda.

Essas também foram as rodovias que mais concentraram o número de mortes. Do total de 244 mortes registradas, 81 foram em ocorrências na BR-364 e 86 na BR-163.

De acordo com o documento, apenas 5% (294) das mortes aconteceram em acidentes motivados por buracos na pista, enquanto a maioria, 72% (2.770), foram em acidentes em pista seca e 20% (653) em pista molhada.

Vítimas

Dentre os 244 mortos apenas este ano, 202 são homens, 40 são mulheres e dois não tiveram o sexo identificado.

Além disso, 30% (51) das mortes foram de pessoas com idade entre 0 e 30 anos e 10,2% (25) foram vítimas fatais com idade superior a 60 anos. LISLAINE DOS ANJOS Via Mídia News

Responder

comment-avatar

*

*