Índice de queimadas cresce 31% no semestre em Mato Grosso

Pelo menos 16 mil focos de queimadas foram identificados pelos satélites do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) de janeiro até o início desta semana. A quantidade é aproximadamente 31% superior ao mesmo período do ano passado, quando foram registrados 12 mil focos.

Os números levam em consideração as informações captadas por todos os satélites do instituto. Nova Maringá, Feliz Natal e Gaúcha do Norte lideram a relação, com 958, 882 e 792 focos respectivamente. Cidades como Sinop (91 focos), Lucas do Rio Verde (55) e Alta Floresta (25) também aparecem na relação.

Mato Grosso lidera a relação dos Estados. Em seguida estão Bahia (10 mil) e Piauí (6 mil). Anualmente, o governo estadual determina período proibitivo de queimadas, com objetivo de reduzir os índices e aplicar multas aos proprietários de áreas onde queimadas são identificadas. As datas deste ano ainda não foram anunciadas.

Adriano Lima mtviaradio.

Responder

comment-avatar

*

*