Indígena tem mandado de prisão cumprido em aldeia de Campinápolis

A Polícia Judiciária Civil de Campinápolis em operação conjunta com a Polícia Militar cumpriu na manhã desta segunda-feira (04.03), mandado de prisão preventiva contra o indígena, da etnia xavante, Vicente Tserehité Tseredzabidi.

O mandado foi expedido pelo juízo da comarca de Campinápolis, em razão do descumprimento de ordem judicial de prisão preventiva domiciliar, a ser cumprida na aldeia.

O indígena é acusado de duplo homicídio qualificado e tentativa de homicídio, praticados no ano de 1996. Uma das vítimas do homicídio foi o então vereador Amélio Ribeiro da Silva e Otacílio José de Carvalho, e da tentativa de homicídio, Durval Divino José de Carvalho. Os crimes foram praticados pelo acusado e outros indígenas.

Segundo a delegada Luciana Canaverde, a ordem na cidade vem sendo mantida pela aliança entre as Polícias Civil e Militar e, principalmente, pela conscientização da população indígena de que esta possui além de direitos, deveres a serem cumpridos. “A lei deve e será cumprida independente da etnia”, disse. Agua Boa News

Responder

comment-avatar

*

*