CONFRESA: Indigente é enterrado com retroescavadeira da prefeitura e jogado em buraco como animal

Um vídeo foi parar na internet onde os funcionários da prefeitura do cemitério fazem o enterro de um indigente no Cemitério Municipal da cidade de Confresa com o uso de uma pá-carregadeira e jogam o corpo na vala como se fosse um animal qualquer.

No vídeo filmado de dentro de um veículo a pessoa que produziu o vídeo ainda solicita que o coveiro saia da frente para que ele possa filmar, as imagens foram gravadas como se fosse um ato de baderna, já que as risadas eram altas e com algazarra o que deixou as pessoas que tiveram acesso ao vídeo, ainda mais revoltadas. No momento da filmagem o coveiro repreendeu o rapaz que fazia a filmagem, “não pode filmar não, não pode não”, diz ele no vídeo.

O caixão não foi colocado na vala normalmente, pois está na lâmina da pá-carregadeira, e o coveiro pede que o operador “derrube” o caixão no buraco, que cai com tampa aberta, fazendo certo barulho. O uso da pá carregadeira teria sido colocado dessa maneira porque o corpo do indigente estava muito inchado e a tampa do caixão não fechava.

O cinegrafista que está acompanhando de alguém da risada e diz, “puxa pela alça dele”, o vídeo tem ao todo 1min04ss e foi postado no Facebook por um internauta, citando a prefeitura, imprensa e autoridades pedindo providências, e já tem vários comentários e compartilhamentos.

Os internautas ficaram simplesmente indignados com a situação desumana com que a pessoa foi enterrada.

Uma internauta comenta, “vergonha pra uma cidade que tem tanto a oferecer e acontecer uma coisa dessas e será que vai ficar por isso mesmo? cadê as punições necessárias”, questiona a Melissa Silva.

O defunto que aparece nas imagens é um trabalhador rural que morreu afogado em uma fazenda o município de São José do Xingu no mês julho durante uma pescada com amigos, como não havia nenhuma documentação com a vítima e a polícia não conseguiu localizar parentes o rapaz foi enterrado como indigente.

O secretário de obras do município Valmir Lazari confirmou que viu o vídeo, mas não falou sobre qual ação será tomada pela prefeitura.

Observação: A funerária não realiza enterros como citado na matéria apenas encaminha os corpos ao cemitério, onde os funcionários da prefeitura municipal realizam o sepultamento.



Vídeo Relacionado

Responder

comment-avatar

*

*