Licitação das obras de conclusão dos Postos Fiscais entre MT e GO deve sair nos próximos dias

O deputado Estadual Baiano Filho (PMDB) se reuniu no início desta quarta-feira, 27.02, com o secretário de Estado de Transporte e Pavimentação Urbana (SETPU), Cinésio Oliveira e o secretário-adjunto da SEFAZ, Vivaldo Lopes onde finalizaram os tramites para a abertura do edital de licitação das obras de pavimentação das áreas de acesso e trafego dos novos postos fiscais de Barra do Garças.

Baiano já havia cobrado a conclusão do processo na ultima semana, quando se reuniu com Cinésio estabelecendo que a Secretaria de Estado de Fazenda (SEFAZ) encaminharia o projeto à SETPU que assumiria a responsabilidade pela execução da obra, faltando apenas a definição orçamentária para o lançamento do edital.

Como a obra não estava prevista no orçamento da SETPU, ficou então acordado que a pasta executará a obra, mas que em contrapartida a SEFAZ suplementará o orçamento devolvendo à SETPU o valor investido na pavimentação. Baiano acredita que após a definição da empreiteira, as obras estejam concluídas em 30 dias.

Os novos postos de fiscalização da SEFAZ, localizados na BR-070 saída para Cuiabá e BR-158 saída para Nova Xavantina, substituirão o Posto Fiscal de Pontal do Araguaia, garantindo a passagem de caminhões pelo centro do município sem o transtorno do congestionamento sobre a ponte. Os novos postos fiscais além de mais amplos e estruturados permitirão que os motoristas aguardem pela fiscalização da SEFAZ sem causar congestionamentos e entraves ao fluxo normal do município.

“Já tínhamos conversado na semana passada, provoquei essa nova reunião porque precisávamos definir a fonte de pagamento para abrir o edital o que foi estabelecido hoje; a sociedade barrragarcense tem cobrado de forma contundente a desativação do atual posto, os veículos de comunicação também têm feito criticas e cobrado atuação, até mesmo porque  desconhecem os trâmites e nossas ações sobre a questão, mas enfim, o estado já está pronto e o edital deve sair no máximo até a próxima semana”, esclareceu Baiano Filho.

 

Fonte: agenciadanoticia

 

Responder

comment-avatar

*

*