Mãe é presa ao tentar levar droga em órgão genital para filho na cadeia

Uma mulher de 44 anos foi presa na tarde deste domingo, após tentar entrar na Cadeia Pública de Primavera do Leste com drogas no órgão genital. Roseli de Jesus, a detida, moradora de Jaciara, levava 234 gramas de maconha para seu filho, Paulo Ricardo Jesus de Oliveira, mais conhecido como Paulinho Bacobaco, réu confesso por homicídios na cidade.

Conforme informações da Polícia Civil, a descoberta da droga aconteceu através de investigação do serviço de inteligência e denúncia anônima.
Os agentes penitenciários, ao perceberem a presença de Roseli de Jesus na unidade prisional, a barraram e chamaram a Polícia Civil.

A detida negou o tempo todo que estava com a droga dentro do corpo. Ela foi encaminhada para o Pronto Atendimento Municipal (PAM), para fazer o exame de raio-X. Após detectarem a anormalidade, Roseli de Jesus foi até o banheiro do pronto atendimento, acompanhada de uma policial e sozinha retirou os entorpecentes da parte íntima.

Roseli de Jesus já cumpriu dois anos de cadeia por tráfico de drogas. Ela disse à imprensa, com tranquilidade, que agora vai cumprir mais uma vez a pena, “a cadeia não é a morte, já fui presa uma vez por culpa de outra pessoa. Vou cumprir a pena e retomar minha vida, ainda tem jeito. Pior é se eu tivesse morrido, aí não teria mais o que fazer” – afirmou Roseli.

A mãe também falou para a imprensa que entrará com um pedido de internamento para seu filho. “Ele usa todos os tipos de drogas, precisa ser internado”, garantiu.
Ainda conforme a detida, Paulinho entrou em contato com ela e disse que um homem iria levar a droga para ser entregue a ele na cadeia, assim evitaria comprar dentro da unidade. “Um menino me entregou isso aí (a maconha) ontem à noite. Foi a primeira vez que eu trouxe drogas para ele na cadeia. A ideia de entrar com a maconha no órgão genital foi minha” – explicou Roseli de Jesus.

A polícia não acredita que essa seria a primeira vez que Roseli trafica drogas para a cadeia.
Roseli de Jesus responderá, mais uma vez, pelo flagrante de tráfico de drogas.

Prisão do filho

Paulinho Bacobaco foi preso em setembro de 2014. Ele confessou três homicídios cometidos em Primavera do Leste.

Um dos assassinatos confessados por Bacobaco foi o de Dione Rodrigues dos Santos (21), conhecido como Tonico, que teve seu corpo encontrado na região das furnas, no dia 12 de setembro de 2014.  Araguaia Notícia

Responder

comment-avatar

*

*