Mato Grosso mostra avanço em segurança pública nas fronteiras

De 11 estados participantes, MT é o único a ter previsão orçamentária no planejamento para a manutenção das atividades integradas na região de fronteira.Esta realidade colocou Mato Grosso em destaque, nesta quarta-feira, 17, em Cáceres, durante o ‘VI Encontro Técnico do Programa Estratégia Nacional de Segurança Pública nas Fronteiras (Enafron)’. O estado já investiu mais de R$ 6 milhões em recursos próprios do Governo do Estado para serem aplicados em aquisição de equipamentos operacionais e tecnológicos e na melhoria de instalações de unidades de segurança dos municípios localizados na região e faixa de fronteira.
“Esses investimentos representam um avanço do Estado no policiamento de fronteira”, disse o tenente coronel CB Átila Wanderley da Silva,  secretário executivo do Gabinete de Gestão Integrada (GGI). “Com esses recursos o Estado demonstra a preocupação em garantir a segurança não somente na área da fronteira, mas, também, nos demais municípios, inclusive,na Capital, revelou  o major Wankley Correa Rodrigues, comandante do Grupo Especial de Fronteira (Gefron) ”.
Em exposição na manhã desta quarta-feira o comandante do Gefron ainda faz um paralelo entre o tráfico e a criminalidade em geral. “Nosso diagnóstico aponta que o crime mais comum na região de fronteira é o de tráfico de drogas, que é um grande mal social e de saúde, mas que afeta diretamente o setor da segurança”, avaliou.
Além de Mato Grosso, participam do Encontro profissionais militares e representantes do setor de segurança pública dos estados do Mato Grosso do Sul (MS), Amazonas (AM), Acre (AC), Amapá (AM), Rondônia (RO), Roraima (RR), Pará (PA), Rio Grande do Sul (RS), Paraná (PR) e Santa Catarina (SC).
O evento, que é organizado pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) é parte da programação do ‘1º Simpósio de Segurança Pública na Fronteira de Mato Grosso’, prossegue até esta quinta-feira, 18.

Responder

comment-avatar

*

*