Moradores ficam assustados com mais um incêndio em Canarana

Foto:Canarana News

Imagem do incêndio nas proximidades do Jardim Tropical e Tropical II

Redação:Altemar Dias

Na noite de ontem (21/08), os moradores do Jardim Tropical e Tropical II, ficaram assustados com um incêndio de grandes proporções que aconteceu em uma área de mato, pertencente a chacareiros daquela região.

O incendio teve inicio por volta das 19:00, e ainda não se tem conhecimento sobre as causas de mais esse lamentável episódio em nosso municipio.

Nossa reportagem está em busca de mais informações junto a Policia Militar, para maiores esclarecimentos sobre o ocorrido, e em breve estaremos atualizando essa informação.

ATUALIZADA

Segundo informações do 1° Tenente, Diniz, do Corpo de bombeiros da 1ª Cia. independente de Barra do Garças, eles foram acionados via 190 e também pelo (66) 9 8436-8673 a comparecerem em uma área de pastagem localizada próximo ao balneário JF(lago do Vilson Dantas), cuja a mesma estava ardendo em chamas.

Ao chegarem ao local, constataram a veracidade dos fatos onde imediatamente foi feito o trabalho de combate direto utilizando os equipamentos necessários, e através da criação de aceiros com máquinas, mais a utilização de um caminhão pipa do municipio.

O tenente informou ainda que a causa do incêndio, teria sido provocado por dois indivíduos, aparentemente menores de idade, de acordo com informações de testemunhas.

Nossa reportagem esteve no local e verificou de perto a extensão de mais ou menos 25 hectares que foram queimados em mais este incêndio envolvendo duas áreas próximas a cidade.

Felizmente não foi constatado nenhum dano com pessoas ou animais de criação. As áreas são de pastagem, mas os proprietários conseguiram retirar o gado antes que o fogo chegasse até os mesmos.

Ainda de acordo com as informações do 1° Tenente, Diniz, o Corpo de bombeiros da 1ª Cia. independente de Barra do Garças, está com um efetivo de 04 soldados bombeiro, destacado temporariamente em Canarana, atendendo um convênio firmado com a Prefeitura Municipal, para que possa ser realizado um trabalho preventivo e atendimento as ocorrências no período proibitivo de queimadas, que vai até o dia 15 de setembro.

Durante o período proibitivo, quem realizar queimadas cometerá um crime ambiental e poderá pegar de 2 a 4 anos de reclusão e pagar multa, se o crime for intencional. Caso o crime seja sem intenção, a pessoa pode receber uma pena de seis meses a um ano de reclusão, mais a multa.

A multa varia entre R$ 1 mil e R$ 7,5 mil por hectare queimado. Os valores são estipulados pela perícia, que deve avaliar o tipo de vegetação queimada e o tamanho da região atingida.

Para acionar o Corpo de Bombeiros em Canarana, o número é (66) 9 8436-8673

Responder

comment-avatar

*

*