Municípios do Vale do Araguaia recebem retroescavadeiras

O Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) entrega na semana passada, várias retroescavadeiras a 14 municípios de Mato Grosso (MT). Cada localidade contemplada receberá um equipamento. A ação integra a segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2). O maquinário vai contribuir para o desenvolvimento da agricultura familiar no estado, auxiliando na recuperação e melhoria das estradas vicinais. Com isso, a ligação entre as zonas rurais e urbanas será facilitada, promovendo o escoamento da produção dos trabalhadores do campo.

As chaves das máquinas serão entregues aos prefeitos dos municípios pelo delegado federal do MDA em Mato Grosso, Dieter Metzner. A solenidade ocorrerá às 20h, na Câmara Municipal da cidade de Porto Alegre do Norte, localizada a cerca de 1,2 mil quilômetros da capital, Cuiabá. “Essas retroescavadeiras são de muita importância. As estradas aqui são um grande problema, então certamente as máquinas vão ajudar muito”, afirma o delegado.

Todos os municípios beneficiados pela ação estão localizados no território da cidadania do Baixo Araguaia. “Mato Grosso contabiliza, aproximadamente, 150 mil famílias de agricultores. Sendo que um terço desse total está na região do Araguaia. O local também concentra muitos assentamentos da reforma agrária”, explica o delegado substituto do MDA no estado, João Roberto Buzatto.

Ele acrescenta que as retroescavadeiras terão um papel fundamental para os produtores rurais do estado, pois a melhora das estradas implica em mais vendas e, consequentemente, no aumento da renda dos trabalhadores do campo. “Os municípios contemplados ficam distantes dos grandes centros. A melhora das estradas vicinais é um grande passo para auxiliar no escoamento da produção agrícola”, enfatizou.

Além da entrega em Porto Alegre do Norte, outras três estão previstas para os próximos dias nas cidades de Juína, Colider e Várzea Grande, respectivamente. Somadas, as doações contabilizam 58 máquinas entregues ao estado.

As regras para a seleção
A escolha dos municípios beneficiados pela ação do PAC 2 segue alguns critérios. Dentre eles estão, por exemplo, ter maior participação do Produto Interno Bruto (PIB) agrícola no PIB total do município, ter menos de 50 mil habitantes, possuir maior extensão territorial e maior presença de agricultores familiares em relação ao total dos produtos registrados no município.

A ação do PAC 2
Até o momento, o ministério entregou 628 máquinas, levando benefícios a 646 municípios brasileiros. Neste primeiro momento, serão entregues 1.275 máquinas a 1.299 municípios, ao custo total de R$ 211,83 milhões. O Rio Grande do Sul foi o primeiro estado a receber os equipamentos, em dezembro de 2011. Este ano, municípios do Rio de Janeiro, Espírito Santo, Santa Catarina, Alagoas, Rondônia, Bahia, Ceará, Piauí, Minas Gerais e Rio Grande do Norte receberam os equipamentos. Recentemente, foi anunciada pela presidenta Dilma Roussef a doação de retroescavadeiras para mais 3.591 municípios e de mais 1.330 motoniveladoras.

Confira os municípios contemplados:

Alto da Boa Vista
Bom Jesus do Araguaia
Canabrava do Norte
Confresa
Luciara
Novo Santo Antônio
Porto Alegre do Norte
Querência
Ribeirão Cascalheira
Santa Cruz do Xingu
São José do Xingu
Santa Terezinha
São Felix do Araguaia
Vila Rica.

Responder

comment-avatar

*

*