NA DIVISA DE MATO GROSSO COM GOIÁS, AS PONTES FORAM LIBERADAS MAS O TRÂNSITO CONTINUA UM CAOS


Apesar de liberadas na manhã do dia 30, depois de interditadas parcialmente para sua enésima reforma, as pontes sobre os rios Garças e Araguaia, após seis longos dias de reforma feita pela empreiteira Sanches Tripoloni, o trânsito de Barra do Garças continua um caos, embora seja esta a terceira reforma a contar de 2007.

Em data recente a Sefaz, que em Barra do Garças não autoriza  ninguém a dar informações a respeito da construção dos dois postos avançados informou, depois de muita espera que as obras iniciaram há cerca de duas semanas. O primeiro posto na altura do Distrito Industrial, na BR-070 e, o segundo, na BR-158, próximo à PRF.

Enquanto isso trânsito de carretas convulsiona o centro comercial de Barra do Garças. As obras daquele que será o posto fiscal da cidade na altura do Distrito Industrial na BR-070, antigo prédio da empresa Texaco, locado à Sefaz, está em reforma há cerca de duas semanas e o término está previsto para o final de julho, segundo o encarregado de obras Joedir Jesus da Silva, de 48 anos. Tanto o piso quanto a sobreloja possuem em torno de 150 metros quadrados.

O novo posto fiscal – que substituiu juntamente com o seu similar substituirão a unidade de Pontal do Araguaia – “tem ampla área para acostamento o que afasta a possibilidade de obstrução da BR-070”, avalia Heronides Rodrigues da Silva, de 55 anos e, há 32, funcionário da empresa Texaco (de Goiânia) do empresário Elio Estefânio, de Goiânia.

Etore Zocolli, da Sefaz, disse numa terceira audiência em Barra do Garças a respeito da transferência do posto de Pontal que “muitos pensam que é a Sefaz  que está emperrando o processo. Nada disso, é de nosso interesse que esta situação seja resolvida o mais breve possível”.

Para o deputado Adalto de Freitas “somos a única cidade do interior a sofrer com o congestionamento diário em função e devemos isto à falta de estratégias que agora estão sendo reparadas pelo governador Silval Barbosa”.

O presidente da subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Barra do Garças, Sandro Saggin encabeçou uma lista com mais de cinco mil assinaturas que foram entregues ao governador Silval Barbosa e também ao presidente da Assembleia Legislativa José Riva.

Barra do Garças possui uma população, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de 55 mil habitantes e uma frota de 18 mil veículos. O congestionamento na travessia das pontes já faz parte do dia a dia do barra-garcense. Segundo a Sefaz, mais de 10 mil carretas passam diariamente pela cidade.

Dados da polícia de trânsito dão conta de que cerca de mil carretas passam por dia por Barra do Garças. O anel viário, orçado em R$ 90 milhões ainda não saiu do papel.

A Semana no Araguaia.

Responder

comment-avatar

*

*