Nome da passarela gera polêmica e desafeto em festa dos pioneiros de Nova Xavantina


O pioneiro Hélio Milhomem não poupou críticas aos vereadores do município, em especial a vereadora Marta Negrão, no encontro dos pioneiros da Marcha Para o Oeste realizado em Nova Xavantina.

A insatisfação do pioneiro com os vereadores tem como motivo maior o nome da passarela aprovado na câmara pela grande maioria dos vereadores.

Hélio chamou atenção para a falta de consideração que os vereadores tem com o município. Para Hélio, a passarela teria que ter o nome de um pioneiro. “Não desmerecendo ninguém, mas em minha opinião, os vereadores erraram quando escolheu o nome da passarela. Temos vários pioneiros que ajudaram a construir a história de Nova Xavantina, que estão sendo esquecidos pela câmara”, disso.

A autora do projeto é a vereadora Marta Negrão. Tirando o vereador Branquinho que faltou a sessão, todos os outros vereadores aprovaram o nome do saudoso Cláudio Spadol, cunhado da vereadora Marta. Branquinho alega que não foi a favor do nome e para não contrariar a vereadora, preferiu faltar a sessão.

A vereadora Marta disse que o pioneiro Hélio Milhomem gosta de chamar atenção, pois, de acordo com a mesma, àquela hora (festa dos pioneiros) não era hora de falar em nome de passarela. “O projeto ficou na câmara por vários dias e ninguém foi lá para dar outro nome. Ele tem que participar mais das atividades da câmara para depois sair falando”, disse.

A vereadora Neca disse que o pioneiro e muito polêmico, mas não vê nenhuma barreira em mudar o nome da passarela e colocar um nome de um pioneiro. O vereador Bosquinho que também estava no evento não quis falar sobre as declarações do pioneiro.

O vereador Cezinha disse que está a favor da maioria. “Se o povo quiser trocar o nome, nós vamos trocar o nome da passarela. Não podemos ir contra o povo. Ainda mais contra a vontade dos pioneiros que tanto fez pelo nosso povo e pela nossa cidade.

O secretário de Turismo, Valterí Araújo, o Valtinho, também é a favor de colocar um nome de um pioneiro. “Temos que valorizar nossa história. Não podemos deixar a memória de nossos desbravadores acabar”, disse.

Hélio Milhomem disse em entrevista ao NotíciasNX que a vereadora Marta foi infeliz em falar que ele gosta de se aparecer. Para o pioneiro, a população não deveria votar nos vereadores que aprovaram o atual nome da passarela. “Eu peço a todos os presentes que não votem mais nos vereadores que aprovaram essa lei. Temos que valorizar nossos pioneiros. Nós que fizemos a história de Nova Xavantina”, desabafou.

NotíciasNX

Responder

comment-avatar

*

*