Operação apreende 2,3 mil munições e sete armas em Primavera do Leste

Doze mandados de busca e apreensão foram cumpridos pela Polícia Judiciária Civil, no município de Primavera do Leste (231 km ao Sul), na quarta-feira (26.01), durante a ação “Antonov” inserida na operação da Secretaria de Segurança Pública de Mato Grosso “Carga Máxima”, desencadeada  como estratégia para redução da criminalidade em todo o Estado de Mato Grosso.

Cerca de 2,3 mil munições de vários calibres foram apreendidas e cinco pessoas presas em flagrante pelos crimes de posse ilegal de arma de fogo de uso permitido e  restrito, e associação criminosa.

Sete armas de fogo foram retiradas de circulação, além de um laser instalado em uma espingarda calibre 22, decorrente das buscas realizadas pelos policiais civis para cumprimento das ordens judiciais decretadas pela Comarca de Criminal de Primavera do Leste.

Os mandados foram representados pela Polícia Civil de Primavera do Leste, após investigações que identificaram pontos suspeitos de drogas, armas e munições, na comunidade conhecida como “Colônia Russa”, a 40 km do centro da cidade.

Quatro pessoas foram em flagrante e conduzida à Delegacia de Polícia. O quinto preso na ação é integrante de uma quadrilha. Ele estava escondido há cinco dias dentro do mato, após o grupo praticar um roubo em Primavera do Leste, e acabou preso depois de perseguição de políciais Militares.

O delegado Adriano Marcos Alencar disse que o preso se escondeu na região de mato e foi localizado na noite de terça-feira (26.01), após sair do esconderijo em um entroncamento chamado “Gaucha”, entre a cidade e o município de Santo Antônio do Leste (379 km ao Sul).

O nome “Antonov” – em referência ao primeiro avião usado para transportar grande cargas.

Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso

Responder

comment-avatar

*


*