PAIS DA PROFESSORA OLÍVIA DOS SANTOS MONTEIRO COMPLETARAM 70 ANOS DE CASAMENTO, BODAS DE VINHO

Leonel Pereira dos Santos e Maria Damiana dos Santos - pais deO casal Leonel Pereira dos Santos, nascido dia 03 de fevereiro de 1924, e Maria Damiana dos Santos, nascida dia 25 de janeiro de 1927, completaram 70 anos de casamento, Bodas de Vinho,  na última terça-feira, dia 14 de outubro. O seu casamento foi celebrado no dia 14 de outubro de 1944 em Cruz Alta, Estado do Rio Grande do Sul. Mais tarde, Leonel e Maria foram residir na localidade de Daltro Filho, Município de Tenente Portela. Da sua união nasceram os filhos: Antônio, Olívia, Ivo, Paulo, Osilda e Ademar. Olívia, a segunda filha do casal, reside em Canarana, sendo casada com o Pastor Nesio Donato Monteiro, nascido em Cruz Alta-RS, no dia 25 de abril de 1944. Com 3 anos de idade Nesio mudou-se com sua família para Lageado Leão, Tenente Portela-RS, onde fez seu curso primário. Depois residiu 8 anos na localidade de Esquina Grapia, Tenente Portela. Foi nesta localidade que Olivia conheceu Nesio com quem casou-se no dia 12 de julho de 1969. Olívia também nasceu em Cruz Alta no dia 20 de março de 1948. Depois se mudaram para Lajeado dos Machado onde trabalharam na lavoura produzindo cereais e criando suínos durante 10 anos. Em 1972 o casal se inscreveu para participar do Projeto de Colonização de Canarana, mas em função do nascimento da filha Jaqueline em 19 de maio de 1970, que com três meses de vida apresentou deficiência múltipla, não puderam se mudar para Canarana junto com as primeiras 80 famílias. Nesio iniciou sua militância na Igreja Assembléia de Deus juntamente com o Pastor Delmar Barbosa. Participava do programa na Rádio Municipal de Tenente Portela, deslocando-se da roça de madrugada. Mudou-se depois para a cidade onde, além de atuar na Igreja, trabalhou como taxista e com ônibus de lotação de estudantes que vinham para a cidade estudar. No ano de 1985 Nesio e Olivia residiram na Linha Aparecida, Itapiranga-SC, voltando depois para Tenente Portela em função da filha não ter se adaptado ao clima de lá. Em 1987 mudaram-se para Canarana, residindo três anos em Serra Dourada, mudando-se depois para a cidade. Aqui Nesio trabalhou como Pastor, com tapeçaria e criação de cabras para produzir o leite necessário para a filha Jaqueline. Olívia trabalhou durante seis anos como professora da APAE e posteriormente na Escola Pioneiros de Canarana. Formou-se no curso de Magistério em 1996 e na Faculdade de Pedagogia em 2005. Em 2006 iniciou a pós-graduação em Educação Infantil e Bacharelando em Teologia à distância juntamente com o esposo Nesio. Mais tarde, Leonel e Maria foram residir na localidade de Daltro Filho, Município de Tenente Portela. Da sua união nasceram os filhos: Antônio, Olívia, Ivo, Paulo, Osilda e Ademar. Olívia, a segunda filha do casal, reside em Canarana, sendo casada com o Pastor Nesio Donato Monteiro, nascido em Cruz Alta-RS, no dia 25 de abril de 1944. Com 3 anos de idade Nesio mudou-se com sua família para Lageado Leão, Tenente Portela-RS, onde fez seu curso primário. Depois residiu 8 anos na localidade de Esquina Grapia, Tenente Portela. Foi nesta localidade que Olivia conheceu Nesio com quem casou-se no dia 12 de julho de 1969. Olívia também nasceu em Cruz Alta no dia 20 de março de 1948. Depois se mudaram para Lajeado dos Machado onde trabalharam na lavoura produzindo cereais e criando suínos durante 10 anos. Em 1972 o casal se inscreveu para participar do Projeto de Colonização de Canarana, mas em função do nascimento da filha Jaqueline em 19 de maio de 1970, que com três meses de vida apresentou deficiência múltipla, não puderam se mudar para Canarana junto com as primeiras 80 famílias. Nesio iniciou sua militância na Igreja Assembléia de Deus juntamente com o Pastor Delmar Barbosa. Participava do programa na Rádio Municipal de Tenente Portela, deslocando-se da roça de madrugada. Mudou-se depois para a cidade onde, além de atuar na Igreja, trabalhou como taxista e com ônibus de lotação de estudantes que vinham para a cidade estudar. No ano de 1985 Nesio e Olivia residiram na Linha Aparecida, Itapiranga-SC, voltando depois para Tenente Portela em função da filha não ter se adaptado ao clima de lá. Em 1987 mudaram-se para Canarana, residindo três anos em Serra Dourada, mudando-se depois para a cidade. Aqui Nesio trabalhou como Pastor, com tapeçaria e criação de cabras para produzir o leite necessário para a filha Jaqueline. Olívia trabalhou durante seis anos como professora da APAE e posteriormente na Escola Pioneiros de Canarana. Formou-se no curso de Magistério em 1996 e na Faculdade de Pedagogia em 2005. Em 2006 iniciou a pós-graduação em Educação Infantil e Bacharelando em Teologia à distância juntamente com o esposo Nesio.

Responder

comment-avatar

*

*