PC recupera mais de 50 mil reais em joias furtadas em Canarana

Assessoria/PJC-MT
O furto de aproximadamente R$ 50 mil em joias foi esclarecido pela Polícia Judiciária Civil, com a prisão em flagrante do suspeito, no domingo (22.11), no município de Canarana. O acusado, Anderson Diniz, o “Dentinho” foi identificado como autor do crime e autuado em flagrante pelos crimes de furto qualificado e corrupção de menores.
A grande quantidade de peças em ouro, entre anéis, pulseiras, brincos e correntes, além de documentos pessoais e talões de cheque foram furtados, no domingo (22), de dentro do veículo da vítima, que imediatamente acionou a Polícia Civil. Nas diligências, a equipe de investigadores conseguiu identificar Anderson como autor do furto e realizou a sua prisão na quadra de esportes da cidade.
Questionado, ele tentou negar envolvimento com o crime, mas acabou confessando a autoria do furto e indicando o local em que havia escondido as joias. Segundo a Polícia, grande parte das joias estavam escondidas em um galpão abandonado da cidade. Algumas peças e um talão de cheques foram repassados para, pelo menos, dois menores que auxiliaram a ação do suspeito.
Após ser atuado em flagrante por furto e corrupção de menores, o suspeito foi encaminhado para o sistema penitenciário de Canarana.
Participaram da operação os investigadores Cláudio Molina e Marcilon, coordenados pelo delegado Deuel Paixão Santana.

Joias recuperadas

Fotos Via JOpioneiro

Responder

comment-avatar

*

*