Pecuarista de Paranatinga mata a esposa grávida de seis meses com um tiro e comete suicídio

A Polícia Militar registrou um crime trágico na manhã de segunda-feira (01). Um pecuarista matou a esposa com um tiro e logo em seguida acabou tirando a própria vida. A mulher, que era mãe de duas crianças, estava grávida de seis meses. O fato aconteceu no bairro Novo Canaã, em Cuiabá. Segundo a família da vítima, o criminoso tinha cíumes da mulher.

De acordo com as informações preliminares, o homem – identificado como Rafael Vilela Moraes, 52 anos, acabou matando a esposa Franciele Lirian Vieira, 20 anos, com um tiro. Logo em seguida, o criminoso tirou a própria vida também com um disparo de arma de fogo, ao lado da Ponte de Ferro, no bairro Novo Canaã.

Franciele, que estava grávida de uma menina – que se chamaria Maria Clara -, completaria hoje seis meses de gestação. O quarto do bebê já estava todo pronto. Além disto, a família afirmou que ela é mãe de mais duas crianças, um menino de dois anos e três meses que mora com a avó e uma garota de quatro anos que reside com o pai no Tijucal.

A irmã da vítima, Mayara Cristina Vieira, 28 anos, explicou que os dois se conheceram em Paranatinga (375 Km de Cuiabá) e mantinham um relacionamento há cerca de dois anos. Ela ainda lembrou que o pecuarista sempre foi muito ciumento por conta da diferença de idade entre os dois: “Ele não deixava ela sair. Inclusive tentou obrigar ela a se mudar para o Pará, mas ela não aceitava”, relatou a irmã.

Algumas testemunhas relataram ainda que ouviram quatro disparos, porém, isso ainda não foi confirmado de forma oficial. A Polícia Militar está no local e aguarda a perícia da cena do crime para identificar o que de fato aconteceu no local. OLHAR DIRETO

Responder

comment-avatar

*

*