Polícia Civil esclarece sequestro de filha de escrivã e prende onze em Tangará da Serra

Onze pessoas acusadas de envolvimento no sequestro da filha de uma policial civil foram presas em uma operação da Polícia Judiciária Civil, desencadeada na terça-feira (10.09), em Tangará da Serra (239 km a Médio-Norte). A operação denominada “Porto Estrela” esclareceu o sequestro planejado pelo o ex-marido da vítima.
A operação desencadeada com o objetivo de dar cumprimento aos mandados de prisão contra os envolvidos no crime contou com a participação de 6 equipes de policiais civis de Nova Olímpia (207 km a Médio-Norte), Barra do Bugres (168 km a Médio-Norte) e Tangará da Serra.
 As investigações tiveram início com informações da oitiva dos suspeitos e da vítima. O ex-marido da vítima e mandante do crime, Flávio Luis Gonçalves, foi localizado em uma fazenda próxima ao município de Nova Mutum (264 km ao Norte), onde deram cumprimento ao mandado de prisão.
Os presosThiago Rodrigues Soares, Elvis Marques, o “Neguinho”, Junior da Silva Gomes, o “Junior Negão” e o menor J.S.A acusados de envolvimento no roubo e sequestro e Rafelly da Silva Oliveira e Adriano Medeiros Coutos, acusados de receptação tiveram o mandado de prisão e internação cumpridos em Tangará da Serra. Outras pessoas foram presas em flagrante na operação, Carolina couto e Thiago Rodrigues Chaves por receptação e Sival Pereira por estar em posse da espingarda calibre 22, utilizada no dia do crime. O acusado José Josueldo Gama de Oliveira acusado de participação no sequestro está preso desde dia do crime.
Segundo as investigações, o ex-marido da vítima planejou o sequestro junto com o amigo Thiago Rodrigues Soares, que contratou quatro pessoas para execução do crime. De acordo com o delegado de Nova Olimpia, Nelder Martins Pereira, que conduz as investigações, o ex-marido existe três hipóteses para que o ex-marido tenha resolvido seqüestrar a jovem. “A primeira motivação seria se vingar da sogra, que era contra o relacionamento do casal, a segunda é passional, tentar se reaproximar da ex-esposa após uma situação difícil e por último tentar obter lucro com o crime”, explicou o delegado
A jovem de 20 anos foi sequestrada no dia 14 de agosto, durante um roubo na casa de sua avó, na cidade de Porto Estrela (194 km a Médio-Norte). De acordo com as vítimas, o assalto aconteceu durante a festa de aniversário da garota. Todos foram trancados em um quarto e a jovem foi levada pelos criminosos, em um veículo Uno prata, da avó da vítima.

Na época, policiais civis deram início às diligências nos municípios de Cáceres (225 km a Oeste), Barra do Bugres (168 km a Médio-Norte) e Tangará da Serra, resultando na detenção de quatro pessoas. Assessoria/PJC

Responder

comment-avatar

*

*