Polícia Civil irmãos autores de latrocínio de funcionária de mercado em Poxoréu

 

 PAMELA PORFÍRIO
Assessoria/PJC-MT

Dois irmãos suspeitos do latrocínio da funcionária de um supermercado, em  Poxoréu (251 km ao Sul),foram presos pela Polícia Judiciária Civil, na última sexta-feira (07.02).

Os suspeitos Antonio de Arruda, 24, e Lussandro de Arruda, 20, foram reconhecidos por testemunhas como os autores do crime e também autuados em flagrante por receptação. Durante as buscas na casa dos criminosos, os policiais prenderam flagrante ainda Cícero Henrique de Souza, o vizinho dos irmãos, por porte ilegal de arma de fogo.

O latrocínio que vitimou a funcionária que trabalhava como caixa no supermercado, ocorrido em 19 de janeiro deste ano, segundo o delegado de Poxoréu, Rafael Sippel Fossari, chocou a população pela violência empregada na ação. “A jovem foi atingida com um tiro na cabeça por uma arma calibre 9 mm, deixando órfã uma criança com pouco mais de um ano”, destacou Fossari.

Após a identificação dos envolvidos e em posse do mandado de busca, a autoridade policial coordenou a operação na residência em que morava a dupla. A equipe policial localizou uma motocicleta roubada há uma semana em Primavera do Leste e a jaqueta utilizada por um deles durante o roubo, que foi reconhecida pelas testemunhas.

Segundo Fossari, os irmãos Antonio e Lussandro são oriundos da cidade de Rondonópolis, onde respondem pelos crimes de homicídio, roubo e formação de quadrilha armada. O delegado representou pela prisão temporária em razão do latrocínio e deve concluir o caso nos próximos dias.

Durante as diligências, uma situação inusitada, Cícero que é o vizinho da dupla, percebeu a movimentação na casa ao lado e tentou fugir pelos fundos, mas foi impedido pelos policiais. Diante da atitude considerada suspeita, também foi feita uma busca na residência de Cícero, onde os policiais  encontraram um revólver calibre 30 e 5 munições intactas, resultando na prisão em flagrante também do vizinho.

Responder

comment-avatar

*

*