Polícia Civil prende quadrilha que atuava no roubo de cargas no interior de MT

A Polícia Judiciária Civil desarticulou uma quadrilha que atuava no roubo de cargas no interior de Mato Grosso. Quatro pessoas foram presas na operação “Médio-Norte”, deflagrada nesta sexta-feira (12.07), pela Delegacia de Campo Novo do Parecis (396 km a Noroeste) com apoio da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), de Cuiabá, e Regional de Diamantino e Sapezal. Cinco pessoa tiveram mandados de prisão preventiva decretados, sendo três cumpridos.
Na região de Cuiabá foram presos Márcio Sezário Piveta e Alessandro Pereira da Silva, apontados como líderes da quadrilha, que segundo as investigações é composta por dois empresários. Os dois foram presos por equipes do GCCO, o primeiro no BR 163, e o segundo em bairro São José, no Distrito Industrial.
O suspeito Márcio Piveta é dono de uma empresa de reforma de caminhões, local onde foi preso e também apreendido um revólver calibre 38 com 5 munições, pelo qual foi autuado por posse irregular de arma e munições. Ele atuava nos roubos junto com Alessandro.
No município de Sapezal foi preso Janderson Merlo Correia, acusado de agir em conjunto com o primo Robson Merlo Correia, que está foragido, na revenda das cargas subtraídas. O suspeito Robson é empresário na cidade de Sapezal, onde possui uma distribuidora e de implementos agrícolas e revenda de soja. “O negócio facilitava a revenda das cargas roubadas”, disse o delegado de Campo Novo do Parecis, Luiz Henrique Damasceno.
De acordo com o delegado, Luiz Henrique, há suspeita que a quadrilha esteja envolvida em pelo menos mais 4 roubos, dois ocorridos em Diamantino, 1 em Tangará da Serra e 1 em Nova Mutum. “A quadrilha atuava em roubos de combustível e outras cargas e tinha duas lideranças, uma que praticava os assaltos e a outra que ‘esquentava’ as cargas”, disse.
As investigações iniciaram com a apreensão de uma carga de 45 mil litros de combustível, roubada no dia 21 de abril deste ano, em Campo Novo do Parecis. No roubo, os assaltantes renderam o motorista do caminhão que transportava óleo diesel, deixando-o refém durante o dia todo, enquanto os acusados faziam a subtração da carga. A vítima foi liberada já na madrugada, em meio a uma região de mata, no município de Campo Novo do Parecis.
Em investigações, policiais civis localizaram os reboques tanques a 85 quilômetros de Campo Novo do Parecis, próximo a uma fazenda, na entrada do município de Brasnorte (579 a Noroeste). O caminhão trator foi encontrado já em Cuiabá.
Segundo o delegado de Campo Novo do Parecis, Luiz Henrique Damasceno, com a recuperação do veículo, policiais civis iniciaram as buscas pela carga roubada, que teria sido descarregada em Sapezal.
A carga roubada foi apreendida pela equipe de investigadores da Delegacia de Sapezal, armazenadas em tanques, na Fazenda Nossa Senhora Aparecida, zona rural da cidade.
Assessoria de Comunicação Social / PJC

Responder

comment-avatar

*

*