Policiais do operacional da Polícia Civil reforçam trabalhos de delegacias no interior

ImageProxyCom uma nova modalidade de atuação, a Gerência de Operações Especiais (GOE), da Polícia Judiciária Civil, realiza nesta semana trabalho de apoio operacional em cinco delegacias da Regional de Alta Floresta (803 km a Oeste). Desde o dia 1 de setembro duas equipes do GOE atuam junto as Delegacias de Polícia de Colíder, Terra Nova do Norte, Guarantã do Norte, Matupá e Peixoto de Azevedo. O trabalho finaliza neste sábado (07), em Guarantã do Norte, com treinamento aos policiais das cinco delegacias que receberam apoio operacional.
A iniciativa é da Diretoria de Atividades Especiais da Polícia Judiciária Civil em apoio a ações desenvolvidas pelas delegacias da Diretoria de Interior. O delegado titular do GOE, Marcos Aurélio Veloso e Silva, disse que são operações especializadas voltadas a atividade de polícia judiciária, como auxilio em investigações, cumprimentos de mandados de prisão sem risco e treinamento aos policiais para uso das técnicas no cotidiano da atividade policial. “Estamos dando um enfoque diferenciado ao Goe, de aproximação maior com as unidades do interior, tanto no operacional quanto no treinamento”, destacou.
A ação iniciou pelo município de Colíder (650 km ao Norte), na segunda-feira (01.09), com o cumprimento de nove mandados de busca e apreensão, que levaram a prisão de quatro pessoas em flagrante por furto e receptação de produtos roubados e furtados. Segundo o delegado Sylvio do Vale Ferreira Junior, durante as buscas os policiais apreenderam R$ 4,5 mil, diversos aparelhos celulares e vários  eletroeletrônicos como aparelhos de som e TV. “A cidade está extremamente tranquila e a Delegacia de Colíder agradece a iniciativa da Diretoria e da Regional”, disse o delegado Sylvio do Vale.
Em Terra Nova do Norte (675 km ao Norte), investigadores do Goe ajudaram na condução de três assaltantes até a Cadeia de Peixoto Azevedo e realizaram diligências na cidade. “Só a presença deles já surte efeito grande na cidade”, disse o delegado Adriano Marcos Alencar.
Em Guarantã do Norte, dois mandados, um de prisão e um de busca e apreensão foram cumpridos, na zona rural do município. Na propriedade rural, os policiais prenderam Cleberson Marciano, 29 anos, acusado de homicídio qualificado praticado no dia 31 de julho de 2013. A vítima Márcio da silva Anchieta, 32 anos, o “Pula”, foi morta em razão de um desentendimento por tráfico de drogas.
 Em buscas no sítio, os policiais apreenderam 1 revólver calibre 38, dois tabletes de
maconha, totalizando quase 1 quilo, uma espingarda calibre 36. Ainda na propriedade, uma segunda pessoa, também procurada pela Polícia, ao avistar a viatura policial, fugiu da ação policial, abandonando o veículo ligado com um revólver calibre 38 dentro.
Na cidade de Matupá, em conjunto com policiais da Delegacia da Polícia Civil local, os policiais realizaram na quinta-feira (05), abordagens com foco na prevenção de crimes. Em Peixoto de Azevedo, o Goe atua no apoio operacional na Exposição Agropecuária do Vale Peixoto, a Expovale, que iniciou na quinta-feira (05) e finaliza no dia 13 de setembro.
O chefe de operações do GOE, Joelson da Costa Almeida, disse que o treinamento, “sobrevivência policial”, destinado aos delegados, investigadores, consiste em técnicas de abordagens, reação emboscada, pane de armas, técnicas de tiro de combate e técnicas de cumprimento de mandados de prisão sem risco. “Essas técnicas vão orientar os policiais nas ocorrências com pessoas armadas”, disse o investigador.
O diretor de interior Aldo Silva da Costa declarou que interiorização do Goe esta fortalecendo as ações da Polícia Civil no interior. “A sensação de segurança aumenta quando a população vê policiais especializados nas localidades. Esse apoio é importante na demanda das delegacias e será solicitado em outras regiões do Estado”, destacou o delegado.

Responder

comment-avatar

*

*