Presidente da subsede do Sintep/MT de Ribeirão Cascalheira participou de encontro sobre formação sindical e o papel da mulher trabalhadora

O Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT) participou na sexta-feira (30) do IV Encontro Estadual de Formação da CUT/MT (Central Única de Trabalhadores) e do II Encontro Estadual Sobre a Mulher Trabalhadora da CUT/MT. O evento é realizado em auditório do Hotel Veneza, em Cuiabá.

A secretária-geral do Sintep/MT, Vânia Miranda, que também é secretária de Formação da CUT/MT, afirma que a participação do sindicato em eventos como esse ajuda a qualificar o trabalhador. “O profissional da Educação sai daqui preparado para debates relacionados a direitos e deveres da categoria”.

Representantes de diversos municípios vieram a Cuiabá para participar do encontro. Uma delas é a presidente da subsede do Sintep/MT de Ribeirão Cascalheira, Isabel Fernandes. “Acredito que a formação sindical é a base para que possamos ter condições mínimas para lutar pela nossa categoria”, declarou. Ela disse ainda que eventos assim mudam o jeito dos trabalhadores de verem a própria profissão, fazendo-os entenderem a importância de serem servidores públicos.

“É fundamental ao trabalhador conhecer a história de luta, até porque essa história não é contada nas escolas. Estamos aqui para socializar esse conhecimento”, diz Sueli Veiga, coordenadora Geral da Escola de Formação do Centro Oestes (ECO/CUT) Apolônio de Carvalho.

Lorena Francisco de Souza Aguiar, mestre em Geografia pela Universidade Federal de Goiás (UFG), que ministrou a palestra ‘” trajetória da mulher negra no Brasil e a mulher no mercado de trabalho”, afirma que o preconceito de gênero e raça ainda é uma realidade no país. “A discriminação existe em várias formas. As mulheres ainda ganham menos que os homens, por exemplo. E temos alto índice de mulheres negras que, por mais que tenha mais anos de estudo do que a brancas, não conseguem arrumar emprego”, pontuou.

O encontro terá palestras durante todo do dia. O encerramento está marcado para as 18h.

Odocumento com Redação Canarana News

Responder

comment-avatar

*

*