Presidente do Sindicato de Canarana destaca parceria com Senar-MT

Foto: Anacreta Vitorasso

Apesar da correria da colheita, o presidente do Sindicato Rural de Canarana, Arlindo Cancian dedicou boa parte da quarta-feira (12) para receber a equipe do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT). Ele aproveitou para enfatizar a importância da visita para o município. “É primordial para nós sermos ouvidos. A equipe do Senar-MT devem continuar visitando os sindicatos para ver de perto as nossas dificuldades e necessidades”, aconselha o presidente.

Ouvir as demandas, necessidades e as dificuldades enfrentadas pelos presidentes dos sindicatos rurais, principais parceiros do Senar-MT,  está entre os diversos objetivos destas viagens de trabalho  realizadas pela equipe da instituição. O superintendente Tiago Mattosinho ressalta que esta é uma forma de identificar com mais precisão as regiões onde a carência de mão de obra qualificada é maior. “Este é um problema sério para o agronegócio em Mato Grosso e, como o nosso papel é qualificar e capacitar o homem do campo temos um grande desafio pela frente”.

Em Canarana, a cerca de 830 quilômetros de Cuiabá, a base da economia passou a ser o cultivo da soja e do milho. Com isso, o presidente do Sindicato Rural, explica que a demanda por treinamentos para o setor de máquinas e implementos agrícolas aumentou bastante. “É uma área muito dinâmica e a chegada de novas tecnologias demanda uma mão de obra cada vez mais qualificada”.

Cancian enfatiza que a parceria com o Senar-MT além de qualificar a mão de obra para atuar na propriedade, também capacita os produtores para conduzir melhor a administração da propriedade e os negócios.

Para 2014, o principal desafio do presidente do sindicato rural de Canarana  é atender a demanda por treinamentos para as cadeias produtivas da soja e do milho. “Em função do aumento das lavouras em nossa região a solicitação de treinamentos nesta área também aumentou. Como o setor é carente de mão de obra qualificada temos urgência para atender estas demandas”.

O Senar-MT faz parte de um conjunto de entidades que forma o Sistema Famato. Essas entidades dão suporte para o desenvolvimento sustentável do agronegócio e representam os interesses dos produtores rurais do Estado. É formado ainda pela Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato), pelo Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea) e pelos 87 sindicatos rurais do Estado. O Senar está no Twitter e no Facebook. Siga @senar_mt e curta a Fan Page (www.facebook.com/SenarMt).

Responder

comment-avatar

*

*