Produtores de MT querem mudanças em ferrovia

Representantes dos produtores matogrossenses se reuniram esta semana no Senado para pedir mudanças em um trecho do projeto da Ferrovia de Integração Centro-Oeste.

A associação que representa os produtores de soja no Estado (Aprosoja-MT) quer modificar o projeto no trecho de 500 metros sobre o rio das Mortes para transformar a ferrovia em uma rodoferrovia.

O pré-estudo realizado pela estatal Valec indicou que o projeto, somente da ferrovia neste trecho, deve custar perto de R$ 40 milhões.

Sobre a rodoferrovia, a Valec ainda não sabe se será uma superposição ou se a estrada vai ladear a ferrovia.

O requerimento foi feito hoje ao presidente da Valec, José Eduardo Castello, que disse entender como “justa” a demanda.

A rodovia é estadual e eu não posso colocar dinheiro federal nela, mas pode ser feito um convênio para viabilizar o acordo”, disse Castello.

O presidente da Aprosoja-MT, Carlos Fávaro, diz que o setor quer ter a opção de levar produtos por caminhão, também. Segundo ele, hoje são usadas balsas para fazer a travessia e ficaria mais caro fazer duas pontes.

“Quando compramos calcário, por exemplo, temos que levar da fábrica para a ferrovia e depois levar para caminhões. Em trechos curtos, o preço torna o processo inviável”, diz Fávaro.

Da Redação – LP- olhardireto

Responder

comment-avatar

*

*