Quase um mês depois, manicure continua desaparecida

A polícia continua sem pistas da manicure Sandra Godoy, 29 anos, desaparecida desde o dia 29 de setembro. De acordo com o delegado Deuel Paixão, da Delegacia de Polícia de Ribeirão Cascalheira, diligências continuam sendo feitos, mas a mulher ainda não foi encontrada. Questionado se acredita que ela esteja viva, o delegado se resumiu a diz que: “Trabalhamos com fé”.

“Ainda não conseguimos encontrar a manicure. Nós estamos fazendo diligências em Canarana, Ribeirão Cascalheira e Querência. Porém, continuamos sem informações de onde ela possa estar. Estamos aguardando o trabalho do pessoal da inteligência também. O irmão esteve aqui, apontou alguns lugares, mas não encontramos nada”, disse o delegado ao Olhar Direto.

Questionado se acredita que a manicure ainda esteja viva, o delegado se resumiu a dizer que: “Trabalhamos com fé. Vamos continuar procurando para dar uma tranquilidade aos familiares. Esperamos encontra-la com vida”, finalizou.

O caso

“Ela saiu de Barra do Garças, onde mora, com destino a Canarana e disse aos familiares que iria até Ribeirão Cascalheira para poder documentar uma casa que teria vendido. Nós solicitamos as imagens da rodoviária, mas a descida dela não foi registrada. Porém, tivemos a informação de que ela desembarcou. Na terça-feira (29), ela ainda ligou para um salão marcando o horário, mas depois disto, sumiu”, afirmou o delegado ao Olhar Direto.

Segundo Deuel, a manicure mantinha um triângulo amoroso: “Na cidade, ela tinha envolvimento com uma pessoa, que já foi ouvida. Descobrimos ainda que ela tinha envolvimento homossexual com uma mulher. Fizemos várias diligências, procuramos em fazendas, mas ainda não encontramos. Os familiares continuam procurando e não descartamos nenhuma possibilidade”. Via Olhar Direto

Responder

comment-avatar

*


*