Quatro cidades do Araguaia receberão sala especial para atender crianças nas comarcas

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso está instalando em diversas comarcas a “Sala de Depoimento Sem Dano”. O local será usado para crianças e adolescentes vítimas de violência (física, sexual ou psicológica) prestar depoimento, sem sofrer nenhum tipo de exposição. A vítima ficará nesta sala reservada, evitando relatar seu drama na frente do agressor, enquanto a audiência ocorre normalmente com a presença do juiz, promotor, advogados e as partes envolvidas.

Na região do Araguaia as comarcas de Água Boa, Barra do Garças, Nova Xavantina e Vila Rica receberão as salas, no espaço, a criança ou adolescente ficará acompanhada de uma psicóloga ou assistente social, que fará para vítima as perguntas formuladas pelo juiz, promotor ou advogado. Tudo o que é falado na sala é transmitido para a sala de audiências. O depoimento é gravado evitando novas situações de dor e constrangimento aos quais são expostas as vítimas ao se falar do abuso sofrido.

Além das quatros cidades do Araguaia ainda receberão as salas as comarcas das cidades de, Alta Floresta, Alto Araguaia, Arenápolis, Cáceres, Campo Novo dos Parecis, Campo Verde, Chapada dos Guimarães, Colíder, Cotriguaçu, Diamantino, Juara, Juína, Mirassol D’Oeste, Nortelândia, , Pedra Preta, Poconé, Pontes e Lacerda, Poxoréu, Primavera do Leste, São José do Rio Claro, Sinop, Sorriso, Tangará da Serra e Várzea Grande. Agencia da Noticia

Responder

comment-avatar

*

*