Reeducando é flagrado com maconha e celulares

ÁGUA BOA – Agentes penitenciários descobriram 10 trouxinhas de maconha em posse de um reeducando da Ala Verde da Penitenciária Regional Major Zuzi. Além da maconha, Bonfim Chaves Parlandim também foi responsabilizado pela introdução de dois telefones celulares no presídio, o que é proibido pelas normas vigentes.

Segundo a investigação apurou, Parlandin tinha o benefício de trabalhar na coleta do lixo e transporte até o lixão da unidade prisional. Diante desse benefício, ele conseguiu o apoio de alguém de fora que largou dois telefones celulares no lixão do presídio. Depois, no momento da coleta do lixo, Parlandin conseguiu levar os celulares para dentro da penitenciária em uma lata de lixo. O plano foi descoberto pelos agentes prisionais. Os próprios colegas de cela do reeducando contaram sobre o plano de levar celulares para dentro do presído. O reeducando responderá também por esses atos. Interativa Fm

Responder

comment-avatar

*

*